Menu
quarta, 03 de junho de 2020
Polícia

Justiça aumenta pena para adestrador que maltratou animais

25 Ago 2014 - 13h49

A Justiça de São Carlos alterou a pena dada ao adestrador E.L.B. acusado de maltratar seis cachorros em Janeiro de 2013 após o Promotor do Meio Ambiente Marcos Funari ter recorrido da sentença que condenou o acusado a cumprir pena de um mês de serviços comunitários

De acordo com a sentença ocorrida na manhã desta segunda-feira (25), ele terá que prestar 4 meses e 20 dias de serviços comunitários pela morte de um animal e maus tratos a outros cinco animais.

O fiscal Rodolfo Tiberio Penela acompanhou audiência representando  a Prefeitura Municipal.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias