sexta, 23 de fevereiro de 2024
Polícia

Homem encontrado morto perto da rodoviária foi vítima de mal súbito

Segundo os exames, ele sofria de cirrose e enfisema pulmonar

09 Out 2010 - 05h35

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) aponta que Paulo Pereira da Silva, de 53 anos, encontrado morto no começo da manhã da última quarta-feira (6) na rua Rui Barbosa, perto da rodoviária, não foi vítima de homicídio e sim de um mal súbito. Segundo os exames, ele sofria de cirrose e enfisema pulmonar.

O corpo de Silva foi encontrado por um pedestre que passava pela calçada. A Polícia Militar foi acionada e suspeitou que ele havia sido assassinado, pois estava sem as calças e havia sido arrastado pelo terreno. Ele tinha apenas um pequeno hematoma no olho, provavelmente causado pela queda.

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) passou a investigar o caso e descobriu que Silva, que era morador no bairro Cidade Aracy, estava consumindo bebida alcoólica em companhias de outras pessoas, quando sofreu o mal súbito. Ele teria sido arrastado por essas pessoas, que seriam moradores de rua e não foram localizados pelos policiais. Essas informações foram prestadas por andarilhos que convivem na região do terminal rodoviário.

A Polícia tenta localizar essas pessoas para prestarem esclarecimentos

Leia Também

Últimas Notícias