Menu
sábado, 19 de junho de 2021
Polícia

Força Tática evita "golpe do seguro" e prende dois por estelionato

11 Mai 2015 - 10h37

Policiais militares da Força Tática evitaram que o "golpe do seguro" fosse aplicado mais uma vez na noite deste domingo (10), em São Carlos.

A equipe do tático 38186 fazia patrulhamento por uma estrada de terra no Jardim Zavaglia, quando avistou um VW UP sendo acompanhado por uma moto.

Ao perceber a presença da viatura policial os dois ocupantes do UP fugiram por uma mata e o motociclista também desapareceu, porém o condutor de uma Parati vermelha que estava nas proximidades tentou fugir, mas acabou sendo abordado.

Ao ser questionado, o polidor de veículos L.S.P., de 25 anos, informou que havia ido até o local com o carro do tio buscar o primo, pois ele havia levado o UP até o local, pois seria queimado, pois se tratava de uma fraude contra a seguradora.

L.S.P. indicou a casa do primo, que fica na rua Isak Falgen, no Antenor Garcia. Lá os policiais encontraram o menor de 17 anos que confessou que havia recebido uma chave reserva do proprietário do UP e que apanhou o veículo durante a tarde no estacionamento do shopping e que pelo serviço receberia R$ 2 mil. Ele confessou também estar envolvido em outros golpes contra seguradoras.

Durante diligência os policiais acabaram localizando o almoxarife E.C.P., 22, que possui uma relação homoafetiva com do dono do veículo UP e por estarem passando por problemas financeiros resolveu aplicar o golpe para receber o dinheiro do seguro, inclusive o proprietário do carro já havia registrado queixa de furto no plantão policial.

Após indicação do adolescente, na mata onde o UP seria queimado os PMs encontraram duas motocicletas furtadas e duas carcaças de veículos queimadas

Ao final da ocorrência o almoxarife e o polidor de veículos acabaram sendo autuados em flagrante por estelionato. Ambos foram recolhidos ao Centro de Triagem. Já o menor foi entregue aos cuidados dos responsáveis.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias