Menu
segunda, 21 de setembro de 2020
Saúde

Diabetes: a epidemia do século

15 Nov 2018 - 07h06Por Redação
Diabetes: a epidemia do século - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

No Dia Mundial da Diabetes, um alerta: mais de 13 milhões de pessoas convivem com a doença no Brasil. Em todo o mundo, aproximadamente 4,5 milhões morrem anualmente. Os dados são da International Diabetes Federation (IDF) que criou o Novembro Diabetes Azul.

Em 2018, a campanha Novembro Diabetes Azul marca a reinserção da data no Calendário da Saúde, do Ministério da Saúde, fruto de trabalho da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), Atenção Nacional de Apoio ao Diabetes (ANAD) e da Associação Diabetes Brasil. A Campanha tem como tema “Família e Diabetes” e ressalta a importância do núcleo familiar no manejo da doença.

A Sociedade Brasileira de Diabetes defende que é fundamental fazer um trabalho nacional e regional para levar informação sobre o tratamento e as complicações. Para marcar a data, a Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria de Administração e Gestão, disponibilizou uma série de informações sobre a doença.

“A Secretaria de Administração e Gestão de Pessoal, por meio da Seção de Acompanhamento de Saúde do Servidor (SASS), neste dia tão importante, destaca e orienta os servidores para que se previnam adotando uma alimentação saudável e equilibrada, praticando exercício físico de forma regular, controlando periodicamente os níveis de glicemia no sangue e tomando a medicação regularmente quando prescrita pelo médico. Prevenção ainda é o melhor remédio”, afirmou Aline Marques, chefe da Seção de Acompanhamento de Saúde do Servidor.

Epidemia do Século: Segundo a instituição IDF, o século 21 vive a mais grave epidemia que o mundo já presenciou. “É um problema seríssimo e é papel da IDF chamar atenção para a urgência com que esse problema deve ser abordado, já que pode ser prevenido e tratado. Precisamos mobilizar frentes governamentais, para que se criem políticas públicas que barrem o crescimento do diabetes, além disso, devemos incentivar à prática de atividades físicas ainda na idade escolar, bem como a boa alimentação”, Andrew Bolton, presidente da IDF.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias