Menu
segunda, 23 de abril de 2018
Polícia

Traficantes abandonam 10 quilos de maconha em Santa Eudóxia

15 Mai 2007 - 12h48Por Redação São Carlos Agora
Através de uma denúncia anônima, a Polícia Militar de São Carlos conseguiu apreender 10 quilos de maconha que foram deixadas dentro de um Golf abandonado no Distrito de Santa Eudóxia. A Polícia foi informada que no inicio da noite da última sexta-feira (11) este veículo estaria vindo para a cidade transportando uma grande quantidade de drogas oriundas de Ribeirão Preto. Uma equipe da Força Tática foi para a rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Júnior (SP-318) para tentar interceptar o veículo. Os PMs avistaram o Golf nas proximidades do aeroporto da TAM onde teve início a perseguição. Os traficantes em alta velocidade imprimiram fuga pela contramão de direção da rodovia. Na estrada de acesso ao Varjão os policiais perderam o carro de vista. Nesta estrada dois pneus do carro estouraram, mesmo assim os dois homens conseguiram chegar até Santa Eudóxia onde abandonaram o carro com dois tijolos de maconha, pesando aproximadamente 10 kg. Os ocupantes do Golf, conseguiram carona com um morador de Santa Eudóxia até Água Vermelha. Enquanto era feito o cerco ao carro com as drogas, o proprietário do Golf, compareceu ao Plantão Policial informando que o carro havia sido furtado defronte sua casa na região da Vila Faria. O curioso foi que está vítima informou que deixou o carro aberto e com as chaves no console desde tarde na frente da casa e só percebeu o furto a noite. Denúncia- A caçada aos traficantes teve início por volta das 19hs quando o Copom recebeu uma informação anônima de que um Golf, vermelho ocupado por dois homens, estava vindo para São Carlos com um carregamento de maconha. Diante as informações a viatura da Força Tática sob comando do tenente Roney foi para a rodovia no intuito de interceptar o carro.Por volta das 20h40 não encontrando nas imediações do trevo de acesso à cidade o carro suspeito, os policiais resolveram seguir pela rodovia até a região das Cabaceiras (divisa de São Carlos com Américo Brasiliense) quando nas imediações do trevo de acesso as oficinas de aviões da TAM, avistaram vindo no sentido contrário o Golf, vermelho, 95, placas CAP 6180 - São Carlos ocupado pelos dois homens.Os policiais sinalizaram com o giroflex da viatura para que parassem, foi a partir daí que o motorista do Golf imprimiu velocidade e seguiu rumo a São Carlos.Suspeitando que o carro dos traficantes seria aquele veículo, o tenente Roney, determinou que seu motorista passasse a acompanhá-lo. Na região do Varjão o Golf invadiu a pista contrária, fazendo com que os veículos que vinham na correta mão de direção invadissem a pista contrária para colidir com a viatura policial. No trevo do Varjão, o carro entrou na estrada de terra e colidiu na lateral com um caminhão de cana que se encontrava estacionado. Os dois homens não pararam e continuaram pela estrada de terra, devido ao intenso tráfego de veículos e também pela poeira que se formou na pista, a viatura perdeu o Golf de vista. Mesmo assim os policiais continuaram seguindo pela estrada de terra que liga a região da represa do 29 e a estrada vicinal Abel Terrugi e no caminho avistaram um dos pneus do Golf na pista. Consta que o carro andou por vários quilômetros sem dois pneus, isto é apenas com as rodas. A equipe da Força Tática seguiu até Santa Eudóxia até que na Rua Cristóvão Martinelli encontraram o Golf, abandonado e devidamente trancado. Ao questionar populares do Distrito, os mesmos informaram que dois homens haviam deixado o carro estacionado e pegaram carona com um morador da região em um Escort. Dentro do Golf, os PMs encontraram no banco traseiro dois tijolos prensados de maconha pesando cinco quilos cada um.Após o encontro da droga, a Polícia começou a patrulhar com vistas ao Escort que teria dado fuga aos dois traficantes. Este veículo foi abordado em Água Vermelha só com o motorista, o pedreiro A.A.M. de 26 anos. Ele declarou que recebeu R$ 35,00 para dar uma carona até Água Vermelha aos dois desconhecidos, alegou ainda que não conhecia os mesmos. Carro furtado- Enquanto tudo isso ocorria o auxiliar de produção R.G. de 21 anos se dirigiu ao Plantão da Polícia Civil, informando ao delegado Geraldo de Souza Filho que seu veículo Golf, o mesmo que estava abandonado em Santa Eudóxia havia sido furtado. R.G. alegou que na sexta-feira a tarde por volta das 16h deixou o carro estacionado na frente a sua casa na Rua 7 de Setembro, 3.860, Vila Faria. Disse ainda que por descuido deixou o carro com os vidros abertos e as chaves no console do mesmo, bem como no porta luvas estaria os documentos do veículo que estaria abastecido com apenas 1/4 de combustível. O auxiliar disse ainda que sua irmã estava na casa e por isso ele não se importou em olhar o carro. Ele constatou o furto as 20h00, quando percebeu que a irmã não estava em casa.Por volta das 22h30 a PM apresentou a droga que seria distribuída em São Carlos e o carro. O caso agora passará a ser acompanhado pela Delegacia de Entorpecentes.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias