Menu
quarta, 15 de agosto de 2018
Brasil

SP reforça policiamento nas ruas com 900 PMs

29 Mai 2014 - 17h30Por Portal do Governo do Estado
Foto: Portal do Governo do Estado - Foto: Portal do Governo do Estado -

Mais 900 policiais militares vão reforçar a segurança nas ruas de 76 cidades do Estado de São Paulo. O efetivo poderá atuar de forma voluntária durante as folgas com direito à Diária Especial por Jornada Extraordinária (Dejem). Além destes 900 policiais, 100 bombeiros também farão parte do programa. A remuneração por dia é de R$ 193,34 para oficiais e R$ 161,12 para praças.

O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 29, pelo governador Geraldo Alckmin, que também encaminhou à Assembleia Legislativa do Estado o Projeto de Lei que prevê a criação do Código Estadual de Proteção Contra Incêndios e Emergências.

O reforço dos 900 policiais está nas ruas desde segunda-feira, 26, e inclui PMs de unidades especializadas, como Rota, Grupamento de Radiopatrulha Aérea, Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran) e Corregedoria. Os 100 bombeiros passam a integrar Dejem a partir de junho.

"Começamos com três mil policiais militares [incluindo os bombeiros], que pelo sistema de horas significa mil todo dia. Agora, são mais três mil, o que significa então seis mil policiais militares a mais, dois mil todo dia", destacou o governador Geraldo Alckmin nesta quinta-feira, 29, que anunciou a ampliação da Dejem nesta quinta-feira, 29.

Fora da jornada normal, cada policial pode atuar até oito horas por dia, por até 10 dias no mês, totalizando 80 horas. Desta maneira, o descanso não é prejudicado.

O programa funcionava em 76 bairros da capital e em Diadema, Campinas, Santos, Guarujá, Praia Grande e São Vicente. Agora, com o reforço, será ampliado para mais 76 municípios, totalizando 83 cidades.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias