Menu
sexta, 05 de março de 2021
Eleições 2016

Candidatura de Netto Donato a Prefeitura de São Carlos recebe apoio de presidente da Fiesp

08 Set 2016 - 17h22Por Redação
0 - 0 -

Foto: DivulgaçãoNesta quinta-feira, 8, a candidatura à Prefeitura de São Carlos da Coligação A Mudança que Você Quer com Netto Donato e Diana Cury recebeu um importante apoio. Paulo Skaff, presidente da Fiesp/Ciesp, esteve na cidade para assegurar que o Netto Donato e Diana Cury são a alternativa para transformar São Carlos e levar a cidade a ser uma referência para a região, para o Estado e para o país.

Segundo Skaff, São Carlos tem potencial de empresa, de comércio, de conhecimento, de inovação, de universidade, de educação, mas precisa de uma pessoa com uma nova visão para transformar a cidade. "Essa pessoa é o Netto Donato, afinal esse momento é o momento da transformação, da renovação. É o momento de se dar oportunidades a novas visões", afirma.

O presidente da Fiesp/Ciesp disse ainda que quando se faz alguma coisa sempre da mesma forma, o resultado será igual, mas para se conseguir um resultado diferente é preciso fazer de maneira diferente, de outro jeito com novas pessoas. "São Carlos tem essa nova pessoa. Essa pessoa é o Netto Donato, que não quer entrar na política para roubar ou fazer negócio, mas sim para ser a pessoa que vai levar São Carlos para novos caminhos".

Paulo Skaff gravou programas da propaganda eleitoral gratuita que, em breve, serão veiculados para reiterar o apoio dele à renovação que Netto Donato vai trazer para a administração pública de São Carlos.

Netto Donato agradeceu o importante apoio e reforçou o objetivo de colocar São Carlos em ordem seja na limpeza, no transporte público, na educação, no atendimento à crianças e jovens, na saúde. "Fazendo do jeito certo com planejamento nós não vamos  deixar pessoas em uma casa num bairro novo sem infraestrutura, sem escola, sem posto de saúde, sem transporte, afinal a administração pública é responsável pela vida da população e é pelas pessoas de São Carlos que eu quero trabalhar nos próximos quatro anos".

comments powered by Disqus