Menu
terça, 20 de outubro de 2020
Em Brotas

Polícia Ambiental apreende aves vítimas de maus tratos e armas de fogo

29 Mai 2018 - 07h17Por Redação
Galos eram treinados em rinha: responsável foi autuado por maus tratos e preso em flagrante - Crédito: DivulgaçãoGalos eram treinados em rinha: responsável foi autuado por maus tratos e preso em flagrante - Crédito: Divulgação

Após denúncias anônimas, a Polícia Ambiental apreendeu nesta segunda-feira, 28, em uma casa na zona rural de Brotas, aves que eram vítimas de maus tratos e armas de fogo.

Viaturas compostas pelo sargento Marcelo e cabos Bonassi, De Mattos e Denilson em atendimento a denúncia de maus tratos a aves mediante rinha e a caça de javali com métodos de crueldade inclusive com a morte do animal foram até a residência e constataran que no local havia um local utilizado para a rinha.

O responsável pela casa ao ser indagado pelos policiais afirmou que usava o local para treinar seus galos de briga e após vistoria, nos fundos localizaram 15 galos com ferimento, além de duas espingardas calibres 24 e 12 com numeração suprimida e uma munição calibre 12 deflagrada, três cartuchos calibre 24 recarregados intactos. Havia ainda três rádios HTs.

Todo o material, armas e aves foram apreendidos e o acusado encaminhado à Delegacia de Polícia onde foi preso em flagrante e arbitradas fianças de R$ 45 mil por maus tratos aos 15 galos e R$ 12 mil por mais tratos a dois javalis com agravante de morte do animal (gravados em vídeo). As multas não foram pagas e o acusado recolhido a cadeia municipal.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias