Menu
quinta, 06 de maio de 2021
Região

Ibaté inicia campanha de vacinação contra a gripe na segunda-feira (12)

10 Abr 2021 - 12h21
Ibaté inicia campanha de vacinação contra a gripe na segunda-feira (12) -

A Prefeitura de Ibaté inicia nesta segunda-feira (12), a campanha de vacinação contra a gripe (H1N1), que em 2021 visa atingir uma cobertura mínima de 90% do público.

Em Ibaté, todas as unidades de saúde serão postos fixos de vacinação, porém, nas Unidades Básicas de Saúde Jardim Icaraí, Jardim Cruzado e Popular – que estão fazendo a imunização contra a Covid-19 – os horários serão diferenciados. “Nessas três UBS’s, a vacinação contra a gripe H1N1 será realizada de segunda a sexta-feira, das 13h às 15h. Já nas demais unidades de saúde, a imunização também acontece de segunda a sexta, das 8h às 15h”, explica a secretária municipal de Saúde, Elaine Sartorelli Breanza.

Elaine ressalta que é fundamental que o público contemplado no Plano Estadual de Imunização (PEI) priorize a vacinação contra a Covid-19 e respeite o intervalo mínimo de 15 dias para depois se vacinar contra a H1N1 (vírus Influenza).

Este ano, o cronograma da campanha é composto por três etapas que se estenderão até 09 de julho. A primeira começa na segunda-feira e é destinada aos trabalhadores da Saúde; indígenas; gestantes; puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto); e crianças com idade a partir de 06 meses até cinco anos completos. Este grupo poderá ser vacinado até o dia 10 de maio.

A partir do dia 11 de maio serão os idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e professores das redes pública e privada.

Já a terceira etapa terá início em 09 de junho, onde serão imunizadas pessoas com comorbidades e deficiência (física, auditiva, visual, intelectual e mental ou múltipla); caminhoneiros, trabalhadores portuários e de transporte coletivo; profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade e jovens e adolescentes sob medidas socioeducativas.

A secretária lembra que, seguindo a legislação, deverão ser priorizados nas salas vacinais os idosos com mais de 80 anos e haverá triagem diferenciada e orientações para quem apresentar sintomas respiratórios. “Nunca é demais lembrar que as vacinas ajudam a salvar muitas vidas. O imunizante contra a gripe protege contra as complicações provocadas pela doença. Quem se protege, diminui os riscos de sintomas respiratórios graves e a necessidade de atendimento na rede hospitalar, que está com 100% de seus leitos lotados por conta da pandemia do coronavírus”, explica.

As vacinas contra a gripe são disponibilizadas pelo Instituto Butantan, com produção integral e sem a necessidade de importação de matéria-prima. O imunizante deste ano é constituído por três cepas de Influenza: A/Victoria/2570/2018 (H1N1)pdm09; A/Hong Kong/2671/2019 (H3N2); e B/Washington/02/2019 (linhagem B/Victoria).

No ano passado, o Estado de São Paulo registrou 809 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), atribuíveis ao vírus Influenza, com 119 óbitos.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias