Menu
domingo, 20 de setembro de 2020
Educação

Escola Municipal de Ibaté participa de Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

24 Mai 2018 - 09h19Por Redação
Escola Municipal de Ibaté participa de Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

A Escola Municipal “Julio Benedicto Mendes”, em Ibaté, está participando da 21ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). A competição é aplicada em 13 mil escolas para alunos do ensino fundamental e médio.

O diretor da Unidade de Ensino, Alexandre Moraes Gaspar, ressaltou que as escolas interessadas em participar da competição tiveram até o dia 18 de março para realizar a inscrição. “Fizemos a inscrição dos 5º anos no mês de março no site www.oba.org.br e tivemos dois meses para nos prepararmos. Durante esse período os docentes abordaram o tema e aplicaram vários simulados para as avaliações que ocorreram na última sexta-feira (18)”, comentou.

A Olimpíada é um evento aberto à participação de escolas públicas ou privadas, urbanas ou rurais, sem exigência de número mínimo ou máximo de alunos. O evento é coordenado por uma comissão formada por membros da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e da Agência Espacial Brasileira (AEB).

Gaspar ressaltou que os docentes trabalharam com afinco para que os estudantes tivessem uma excelente participação. “Nossos docentes como de praxe dedicaram-se de forma brilhante. Independente do resultado, o mais importante é a experiência e a vivência com conteúdos importantes e diferenciados, que farão diferença na vida de todos. Mais do que medalhas, prêmios e diplomas de participação, o objetivo da direção, coordenação e professores foi proporcionar aos estudantes novas descobertas, ideias e conhecimentos. As Olimpíadas, de forma geral, têm estimulado muitos jovens a descobrir mais sobre as ciências e as tecnologias. Além disso, algumas competições procuram estabelecer um intercâmbio entre escolas e instituições de ensino superior, que também pode ser um estímulo para a escolha profissional do estudante. As provas foram divididas em quatro níveis: três para os alunos do ensino fundamental e um para os do ensino médio. A avaliação contou com dez perguntas, sendo três de astronáutica e sete de astronomia. A maioria delas, porém, exigiu raciocínio lógico”, observou.

O prefeito José Luiz Parella (PSDB) parabenizou a direção, coordenação e os professores da Unidade de Ensino pela participação. “A escola Julio Mendes está de parabéns pela iniciativa e pela participação na Olimpíada. Isso mostra a qualidade das nossas escolas e dos nossos docentes”, destacou o chefe do Executivo.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias