Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Região

Cirurgias eletivas voltam a ser realizadas pela Santa Casa de Araraquara

21 Nov 2011 - 10h08
0 - 0 -

A Audiência Pública realizada nessa sexta-feira (18), na Câmara Municipal, para debater a situação da Santa Casa, definiu, por consenso dos participantes, que a partir da próxima semana o hospital volta a realizar as cirurgias eletivas (não urgentes), suspensas desde o final de outubro em Araraquara.

A Audiência Pública definiu também que será criada uma comissão na cidade, envolvendo a Santa Casa, Prefeitura, Câmara Municipal e os deputados que representam a cidade e a região, visando aumentar o teto financeiro para a saúde pública no município.

Também foi acatada a proposta feita pelo deputado federal Dimas Ramalho de realização de uma Conferência Regional de Saúde envolvendo os 17 municípios da região de Araraquara atendidos pela Santa Casa, para debater o déficit mensal provocados pelos atendimentos via SUS - Sistema Único de Saúde.

A secretária municipal da Saúde, dra. Regina Barbieri Ferreira, explicou que os repasses financeiros são feitos à Santa Casa somente após a conclusão do relatório mensal das AIHs - autorizações de internações hospitalares -, normalmente apresentado com atraso de até dois meses pelo hospital, após serem auditadas por normas do Ministério da Saúde (MS).

O secretário da Fazenda, Roberto Pereira, deixou claro que a Prefeitura está honrando com os valores firmados na contratualização com o hospital, e que o repasse é feito de acordo com o relatório encaminhado pela Santa Casa à Prefeitura.           

Avanços

Segundo o provedor Valter Cury Rodrigues, a Santa Casa optou pela suspensão das cirurgias eletivas, e em priorizar as cirurgias emergenciais, até encontrar uma solução para o déficit financeiro discutido durante as cerca de quatro horas na Audiência Pública.

Os deputados estaduais Roberto Massafera e Edinho Silva reconheceram os avanços nos serviços de saúde pública de Araraquara, oferecidos pela Prefeitura, e também se comprometeram a buscar novos recursos para Santa Casa para por fim ao impasse. Na próxima semana, o Governo do Estado deve liberar R$ 400 mil para a Santa Casa, oriundos de uma emenda do deputado Massafera.

Segundo o líder do prefeito Marcelo Barbieri na Câmara, vereador João Farias, mentor da reunião, "a Audiência Pública provou, mais uma vez, a união das forças políticas de Araraquara para resolver os impasses financeiros da Santa Casa e melhorar o atendimento da população".

João Farias também enalteceu o resultado final da audiência, que culminou na retomada das cirurgias eletivas, proposta pelo deputado Roberto Massafera e acatada pela direção do hospital.

Também a secretária da Saúde, dra. Regina Barbieri, destacou o "bom senso" que prevaleceu durante a reunião, e reforçou que a união das lideranças políticas é fundamental para buscar o aumento do teto financeiro para a saúde pública do município.

Também participaram da Audiência Pública a maioria dos vereadores, liderados pelo presidente da Câmara, Aluisio Braz, o Boi, vários secretários municipais e representantes da Secretaria da Saúde, além de representantes da população e de Maria Teresa Luz Heid da Silva, diretora do Departamento Estadual de Saúde de Araraquara.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias