Menu
sexta, 23 de abril de 2021
Em Araraquara

Acusado de integrar o PCC é morto com dois tiros no peito

05 Nov 2018 - 08h48Por Redação
Acusado de integrar o PCC é morto com dois tiros no peito - Crédito: Araraquara 24 h Crédito: Araraquara 24 h

O mecânico Thiago Rodrigo Carvalho de Moraes, 33 anos, residente em Taquaritinga, foi morto com um tiro no peito, após trocar tiros com policiais militares na mata do Jardim das Hortênsias, em Araraquara.

Thiago chegou a cumprir pena por roubo e conseguiu a liberdade após cumprir pena no início deste ano. Suspeito de participar de um “tribunal do crime”, tinha uma tatuagem em referência ao PCC (Primeiro Comando da Capital).

TROCA DE TIROS

A morte de Thiago aconteceu na noite de domingo. Uma intensa troca de tiros aconteceu entre criminosos e policiais militares que foram acionados pois havia denúncias que estaria ocorrendo um “tribunal do crime”. Quando uma viatura se aproximou, teria sido recebida a tiros por cinco suspeitos.

Os PMs revidaram e houve intensa troca de tiros e o suspeito foi atingido no peito. O tiroteio terminou após os comparsas se embrenharem na mata.

Thiago foi encontrado com dois tiros no peito. O Samu chegou a ser acionado, mas ele morreu no local. Com ele havia um revólver de origem suspeita.

A viatura policial foi atingida por tiros em uma das rodas e no compartimento de carga. Porém nenhum PM se feriu.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias