Menu
quinta, 23 de setembro de 2021
Política

Para Azuaite, Centro de Formação Continuada segue tradição de São Carlos na formação de educadores

14 Set 2017 - 09h29Por Redação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

Ao se pronunciar na sessão da Câmara na última terça-feira, o vereador Azuaite França (PPS), presidente da Comissão de Educação da Câmara Municipal, destacou a perspectiva de parceria do município com a Universidade Estadual Paulista (Unesp) para implantação do Centro de Formação de Profissionais da Educação, que foi tema de reunião da qual participou em São Paulo, na semana passada, na reitoria daquela universidade, acompanhando o prefeito Airton Garcia Ferreira e o secretário municipal de Educação, Nino Mengatti. "Fiz questão de estar presente por motivos que me são caros: por se tratar de assunto que me interessa, a educação, e porque a UNESP é onde me formei em Letras e Ciências Sociais no campus de Araraquara", disse.

"A implantação do Centro de Formação foi tratada na Comissão de Educação, com o secretário de Educação e assessoria e semanas mais tarde houve neste plenário uma audiência pública que foi bastante produtiva", acrescentou. Azuaite disse que foi informado pelo secretário de Educação que na próxima semana o projeto de lei sobre o tema será remetido à Câmara para a análise e posterior discussão.

"O Centro de Formação Continuada precisa de parceiros e a UNESP, assim como a USP e a UFSCar são parceiros imprescindíveis para o sucesso deste centro", assinalou. O vereador também mencionou que São Carlos tem grande tradição na formação de professores, que remonta a mais de 100 anos quando foi a terceira cidade do estado a ter uma Escola Normal Secundária (atual Escola Estadual Dr. Álvaro Guião).

"Assim como aquela instituição tem localização e arquitetura escolhidas a dedo, a Casa do Conde do Pinhal abrigará o centro de formação, sendo ambos prédios tombados pelo Patrimônio Histórico", frisou o vereador, que também relatou visita à Secretaria estadual de Cultura, que repassará R$ 150 mil para o setor em São Carlos.

TRÂNSITO, PESQUISA E MEIO AMBIENTE

Azuaite informou que esta semana conversou com os secretários municipais Coca Ferraz (Transporte e Trânsito) e José Galizia Tundisi, de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Sustentável, discutindo, respectivamente, a realização de um projeto de educação para o trânsito, visando consolidar o respeito à travessia na faixa de pedestre, e apoio à criação de uma Fundação Municipal de Amparo à Pesquisa.

Com relação à campanha de trânsito, frisou que ela deve estar focada no incentivo a uma política de cidade civilizada e, nesse contexto - opina - o trânsito é uma possibilidade.

Referente à Fundação de Amparo à Pesquisa, Azuaite destacou a necessidade de que a cidade, conhecida como a Capital do Conhecimento, apoie a ciência e a pesquisa de maneira concreta. Segundo ele, a conversa com Tundisi se destinou a apoiar a formulação de uma política pública relacionada ao tema. Também frisou a necessidade de estabelecer metas ambientais para a cidade. "Não adianta discutir Quioto, o mundo está no município, precisamos saber qual é a nossa lição de casa, a nossa tarefa para questões ambientais; é preciso ter uma política definida nesse sentido".

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias