Menu
sexta, 24 de setembro de 2021
Polícia

Vigilante mata colega de trabalho na área rural

09 Fev 2011 - 00h01
Corpo de vigilante ficou caído ao lado do veículo da empresa - Corpo de vigilante ficou caído ao lado do veículo da empresa -

O vigilante Jeferson Marcio Alves, de 35 anos, foi morto na noite desta terça-feira (8) pelo colega de trabalho em uma área rural ao lado da linha férrea e às margens da vicinal Domingos Inocentini (estrada do Broa). Eles estavam em um veículo da empresa a caminho de vagões de trigo que haviam descarrilado, quando houve uma discussão. O autor dos disparos conseguiu fugir antes da chegada da Polícia Militar.

O assassinato aconteceu por volta das 21h. O Centro de Operações da PM (Copom) recebeu uma ligação que havia um homem baleado no local. Quando os policiais chegaram encontraram o corpo de Alves caído ao lado do veículo Fiat Uno, preto, placas de Bauru.

Os PMs também encontraram outro vigilante que dirigia o carro. Muito assustado, ele contou que se dirigia ao local onde os vagões haviam descarrilado para fazer a guarda dos mesmos. No meio do caminho Alves começou a discutir por causa de trabalho com o outro vigilante, nome não divulgado, e que estava no banco ao lado do motorista.

No trajeto o autor do disparos pediu para parar o carro. Neste instante ele sacou o seu revólver calibre 38 e disparou cinco vezes contra Alves, que ainda tentou descer do veículo e fugir. Os tiros acertaram a cabeça, tórax e barriga da vítima.

Em seguida o atirador fugiu e a Polícia acredita que ele possa ter pegado carona em um trem que passou na linha férrea ao lado da estrada de terra poucos minutos depois.

De acordo com representantes da empresa, os dois já estavam tendo desavenças há tempos.

O corpo de Alves foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de São Carlos. Ele e o autor dos disparos moram no Jardim das Hortências, na cidade de Araraquara.

A equipe do delegado Caio Gobato esteve no local para colher mais informações sobre as circunstâncias em que aconteceu o crime. O caso foi registrado no plantão policial e será investigado pelo 4º Distrito Policial do Jardim Ricetti. Um revólver calibre 38 foi apreendido pela Polícia.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias