Menu
segunda, 06 de dezembro de 2021
Após denúncia anônima

Proprietária é multada por promover degradação em APP na região do rio Mogi Guaçu

Mulher estava reformando um rancho, quando foi flagrada pela Polícia Ambiental.

21 Out 2021 - 08h55Por Redação
Local onde ocorreu a degradação em área de proteção permanente - Crédito: DivulgaçãoLocal onde ocorreu a degradação em área de proteção permanente - Crédito: Divulgação

Policiais ambientais de Araraquara atenderam nesta quarta-feira, 20, uma denúncia anônima de degradação em área de preservação permanente (APP) em São Carlos.

Durante diligências, os policiais constataram em uma propriedade rural, a reforma de uma casa em alvenaria, uma rampa de acesso para curso d'água e uma dispensa também em alvenaria, totalizando 0,07 ha, bem como a roçada de uma área correspondente a 0,60 ha, dentro da APP às margens do rio Mogi Guacu.

A proprietária alegou desconhecer a necessidade de autorização para a reforma de edificações nesta área. Desta forma, por não possuir autorização do órgão ambiental, os policiais lavraram autos de infração ambiental e consequente multa de R$ 350,00 por impedir a regeneração de demais formas de vegetação nativa e R$ 3 mil por dificultar a regeneração natural de demais formas de vegetação nativa.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias