Menu
sexta, 07 de maio de 2021
Polícia

Morre maníaco que ficou conhecido como "Monstro de Rio Claro"

17 Jan 2013 - 11h53
Laerte Patrocínio Orpinelli morreu na penitenciária de Iaras. (foto: Divulgação). - Laerte Patrocínio Orpinelli morreu na penitenciária de Iaras. (foto: Divulgação). -

Morreu na Penitenciária de Iaras (SP), por motivos ainda a serem apurados,Laerte Patrocínio Orpinelli, de 60 anos, que ficou conhecido como o "Monstro de Rio Claro". Ele pegou mais de cem anos de prisão após confessar ter matado dez crianças no interior paulista, mas esse número pode ser ainda maior, já que faltaram provas em outros casos.

Ele foi encontrado morto na cela no início deste mês, sendo a informação confirmada pela Secretaria de Administração Penitenciária do Estado somente nesta quarta-feira (16). A principal hipótese é morte natural, mas isso ainda é apurado.

Orpinelli fez vítimas em cidades como Franca, Monte Alto e Rio Claro. Ele atraia as crianças com doces e presentinhos e após abusar delas as matava, quase sempre por asfixia com as próprias mãos.

Vítimas

As mortes começaram a ser registradas nos anos 90 e o maníaco foi preso somente no início do ano 2000. Entre suas vítimas constam duas meninas de Rio Claro que tiveram as ossadas localizadas graças ao depoimento do assassino que contou onde havia deixado.

Em Franca ele foi condenado pela morte de Jéssica Alves Martins, de 8 anos, achada morta em um terreno na vila Santa Terezinha. Mas outros sumiços de crianças foram atribuídos a Orpinelli, mas faltaram provas para condená-lo.

Orpinelli estaria com diabetes e teria ainda problemas de hipertensão. Dias antes de morrer teria passado por atendimento médico. Ele foi enterrado na cidade de Araras, onde nasceu.

Com informações do Portal RAC

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias