quinta, 19 de maio de 2022
Violência doméstica

Discussão termina em agressão no Planalto Verde

Vítima de 29 anos disse que esposa passou a agredi-lo após desentendimento entre o casal

27 Jan 2022 - 09h06Por Redação
Violência doméstica foi registrada na CPJ - Crédito: Arquivo/São Carlos AgoraViolência doméstica foi registrada na CPJ - Crédito: Arquivo/São Carlos Agora

Um homem de 29 anos alega ter sido agredido por sua companheira, de 28 anos, após discussão ocorrida em uma casa no Planalto Verde por volta das 15h desta quarta-feira, 26.

A vítima relatou aos policiais militares que passou a discutir com a mulher após negar leva-la na casa da irmã. Posteriormente disse não queria mais continuar o relacionamento e chegou a contratar um caminhão para que ela realizasse a mudança.

Disse que após esta atitude, a mulher ficou irada e passou a agredi-lo com um fio de um alisador de cabelo, causando lesão em suas costas.

MULHER DÁ SUA VERSÃO

Na tarde desta quinta-feira, 27, a mulher que está sendo acusada como agressora, entrou em contato com o São Carlos Agora e deu sua versão, afirmando ser vítima neste caso de violência doméstica.

Segundo disse tem uma relação de 1 ano e 8 meses com o companheiro, com quem tem um filho. Neste período de união disse que por várias vezes ocorreram discussões e que o seu marido tem temperamento agressivo.

Afirmou a mulher que neste último episódio realmente pediu para seu companheiro leva-la até a casa da irmã. Após ter o pedido negado, foi para o quarto. Minutos depois passou a ser ofendida e levou um golpe de andador na cabeça.

Garantiu ainda que, temendo pelo pior, saiu correndo da casa e se escondeu em um matagal, retornando depois que o companheiro deixou a moradia. Posteriormente foi para a casa da mãe e disse que irá requisitar medida protetiva contra o companheiro.

Leia Também

Últimas Notícias