Menu
domingo, 16 de maio de 2021
Polícia

Chacina em São Carlos é considerada a maior do Estado neste ano

01 Nov 2012 - 14h52
Chacina de São Carlos é considerada a maior do estado de SP este ano - Chacina de São Carlos é considerada a maior do estado de SP este ano -

A chacina que ocorreu em São Carlos na madrugada de quarta-feira (31) vitimando seis homens e uma mulher está sendo considerada a maior do Estado de Paulo neste ano, conforme publicado no jornal Folha de São Paulo nesta quinta-feira (01).

As sete pessoas foram mortas próximo ao CHDU da Vila Isabel. Os corpos de quatro homens e uma mulher estavam ao lado de uma quadra de esportes na região da Exposhow.

A Polícia Militar foi chamada no local e encontrou as vítimas já sem vida. Outras três pessoas conseguiram escapar e contaram que dois homens encapuzados chegaram e fizeram dezenas de disparos de pistola calibre 9 milimetros. Durante a manhã, mais dois corpos foram localizados próximo ao local onde as outras vítimas foram mortas.

Todos os mortos eram usuários de drogas. Todas as vítimas foram reconhecidas, sendo elas: Itamar Antonio Miranda, 52, Demetrius Mota Frisão, 26, Antonio Romário Galera, 22, Michel Bruno Fernandes, 21, Thiago Adriano Pegoraro, 25, Roni Anderson Camargo Mori, 31 e Glayce Nunes de Oliveira Madeira, 26 anos. De acordo com a policia, todos foram mortos com tiros na cabeça e peito.

A própria policia assume que nada parecido tinha acontecido em São Carlos. Todas as execuções foram covardes, sem chance de defesa às vítimas, disse o delegado da DIG Edmundo Ferreira Gomes.

Moradores do CDHU instituíram um toque de recolher no conjunto habitacional, com medo da violência. Alguns deles alegam que a violência aumentou no bairro, depois da morte do PM  Marco Aurélio de Santi, 43 anos, morto a tiros no dia 14 de setembro deste ano. Segundo a polícia, o PM foi morto por ordem do PCC.

Até 14 de setembro deste ano, São Carlos registrou 11 homicídios. Desta data até hoje, 1º de Novembro, ou seja, um mês e 18 dias depois foram registrados 13 homicídios.

Esses 13 assassinatos estão sendo investigados, porém a polícia não acredita que as mortes estejam ligados a confrontos com policiais.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias