Menu
domingo, 28 de fevereiro de 2021
Polícia

Candidato a conselheiro tutelar é acusado de transportar eleitores até os locais de votação

06 Out 2019 - 15h19Por redação
Candidato a conselheiro tutelar é acusado de transportar eleitores até os locais de votação -

Um dos candidatos a conselheiro tutelar de São Carlos foi parar no plantão policial neste domingo (06), dia em que ocorre a eleição.

Outro candidato, que já é conselheiro tutelar, foi até uma escola no bairro Santa Maria para verificar se não havia nenhuma irregularidade e deparou-se com uma van, que aparentemente pegaria eleitores que tinham ido votar. Ele tentou conversar com o motorista da van, disse que era proibido o transporte de eleitores, mas o motorista foi embora com o veículo.

As pessoas que estariam aguardando a van foram até um posto de combustíveis e ficaram aguardando, até que dois carros foram buscá-las.

O conselheiro recebeu informações que o transporte estaria saindo de uma igreja na Vila São José, foi averiguar e chegando lá avistou as mesmas pessoas que estavam aguardando o transporte, junto com o motorista da van e junto com o candidato acusado. Ele foi recebido com agressões, então achou melhor se retirar e quando saiu deparou-se com um homem alto e forte, aparentemente empunhando uma arma de fogo, que correu atrás dele, que precisou pedir ajuda de uma moradora da região, para esconder-se na casa dela e acionar a Polícia Militar.

Quando a PM chegou na referida igreja, encontrou o candidato acusado trancado em uma sala. Ele alegou que estava dentro da igreja, participando de um grupo de música, quando o conselheiro entrou já filmando e fazendo acusações de fatos que ele desconhece e nega ter participação. Disse ainda que foi trancado na sala pelos amigos e fiéis da igreja, para ser preservado até que as coisas se acalmassem.

O caso foi registrado no plantão policial e será investigado.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias