Menu
sexta, 17 de setembro de 2021
Polícia

Bagunça em rua do Centro irrita moradores

29 Jan 2011 - 10h03
Movimento de jovens é intenso no local - Movimento de jovens é intenso no local -

O que era para ser apenas uma reunião de jovens nas sextas-feiras à noite está se tornando um verdadeiro martírio para moradores de prédios e residências da rua Orlando Damiano, entre a avenida São Carlos e a rua Dona Alexandrina. O local vem sido usado por adolescentes que extrapolam na diversão.

A reportagem do São Carlos Agora percorreu o local na noite de ontem e encontrou uma grande quantidade de jovens, alguns se divertindo de forma moderada, mas outros exagerando na dose. Um deles – aparentemente menor de idade – era amparado por amigos após ingerir bebida alcoólica.

Perto dali um carro com som potente tocava músicas eletrônicas em um volume com certeza acima do permitido pela lei. No prédio residencial em frente era possível ver moradores nas sacadas observando o movimento com irritação. Alguns chegaram a jogar sacolas com água nos adolescentes.

Garrafas de bebidas alcoólicas encontradas pela reportagem do SCA

O Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM) recebeu dezenas de reclamações da bagunça no local. Também por causa do movimento de jovens na rua, o trânsito no local e adjacências ficou congestionado.

Decibelímetros

No final do ano passado a Prefeitura Municipal passou a usar decibelímetros, mas parece que o equipamento não está sendo utilizado em situações como a mostrada nesta reportagem. A regulamentação da lei foi feita pelo prefeito Oswaldo Barba no ano passado.

Houve também o treinamento de 40 horas/aula, entre práticas e teóricas e entrega de certificados aos 20 agentes (entre policiais militares, fiscais de serviços públicos e agentes de trânsito) que vão participar das fiscalizações.

Dois decibelímetros são utilizados na fiscalização. Um foi adquirido pela Prefeitura e um segundo doado pela Acisc.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias