Menu
segunda, 21 de junho de 2021
Estavam embriagados

Após crise de ciúme, casal discute e homem leva mordida no Planalto Verde

Caso de violência doméstica aconteceu após ambos participarem de um churrasco na noite de sábado

17 Mai 2021 - 07h26Por Redação
Briga de casal embriagado foi terminar no plantão policial - Crédito: Arquivo/São Carlos AgoraBriga de casal embriagado foi terminar no plantão policial - Crédito: Arquivo/São Carlos Agora

O que era para ser uma noite de alegria terminou em violência doméstica na madrugada deste domingo, 16, na rua Secondina de Paula Passador, no Planaldo Verde, quando um casal teve que se explicar às autoridades policiais os motivos da desinteligência.

Consta em boletim de ocorrência que policiais militares foram solicitados para comparecer no endereço, pois havia denúncia de agressões envolvendo um casal.

No local apuraram que a auxiliar de cozinha L.F.B. estava sentada e disse ter sido agredida no rosto e no joelho. Já o tecelão A.S.B., 39 anos, apresentava lesão em uma das mãos.

Os envolvidos disseram possuem um filho e na noite de sábado participaram de um churrasco na casa da mulher. Durante a confraternização “beberam além da conta” e ficaram embriagados.

O homem diz que, ao ver a mulher embriagada, resolveu levar o filho para dormir em sua casa, um vez que ela passou a ter crise de ciúme e minutos depois apareceu a companheira, já alterada e passaram a discutir e em seguida, começou a agressão.

O tecelão afirmou ainda que apenas se protegia, quando levou uma mordida. Descontrolada, a mulher teria se jogado no chão e lesionado o joelho. A mulher alegou que levou uma joelhada no rosto, versão desmentida pelo homem.

No final das contas, ambos foram encaminhados ao plantão policial para esclarecimentos.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias