Menu
quinta, 24 de setembro de 2020
Polícia

2º Distrito Policial esclarece assalto contra funcionários de igreja

27 Out 2014 - 13h54
2º concluiu inquérito sobre o caso. - 2º concluiu inquérito sobre o caso. -

Nesta segunda-feira (27) o delegado Walkmar da Silva Negré concluiu o inquérito policial sobre a subtração de documentos, dinheiro e objetos de funcionários da igreja São Nicolau de Flüe e do veículo pertencente à mitra diocesana de São Carlos.

ASSALTANTES

Os investigadores do 2º Distrito Policial conseguiram identificar um menor de 16 anos, que foi apontado como sendo o ladrão que por volta das 21 horas do último dia 17, rendeu o sacerdote de 25 anos e o adolescente de 15, quando ambos desembarcavam do Ford Focus, 2014, cinza com placas de São Carlos que estava estacionado na avenida José Pereira Lopes no Jardim Paulista. Ainda segundo os investigadores seria este o menor que transportando uma arma na cintura anunciou o assalto e determinou que as vítimas fossem para o banco traseiro. Neste instante surgiu outro adolescente de 16 anos, que assumiu a direção do veículo e rapidamente deixaram o local seguindo inicialmente para região do Jardim Zavaglia, posteriormente para a SP 215 – rodovia Professor Luís Augusto de Oliveira. Após roubar cartões bancários, documentos pessoais, anéis em ouro, dois telefones celulares, relógio de pulso, cerca de R$ 350,00 em dinheiro, além dos documentos do veículo, documentos pessoais do padre, a dupla liberou os reféns.

No sábado (18) o Ford Focus foi apreendido pela Polícia Militar atrás de um posto de combustíveis no quilometro 222 da rodovia Washington Luís.

COMPARSAS

Na manhã do último dia 23, além do adolescente de 16 anos, outro menor da mesma idade foi apreendido e identificado como sendo o motorista que teria assumido o volante do Ford Focus durante o assalto contra o sacerdote e o adolescente da igreja. Também naquela manhã os investigadores do 2º DP na companhia da mãe do menor detido seguiram para a moradia do garoto na região do bairro Cidade Aracy e encontraram a casa arrombada e o guarda- roupa do adolescente revirado. Os policiais acreditam que o comparsa do menor teria entrado em sua casa em busca da arma usada no roubo contra representantes da igreja. O adolescente que foi apreendido negou a participação no crime e alegou desconhecer quem seria a pessoa que arrombou a sua moradia.

Após ser o caso esclarecido com a participação dos dois adolescentes no crime o delegado Walkmar sindicou a dupla em ato infracional de roubo de veículo e liberou o menor aos responsáveis. O caso já concluído deverá ser relatado nos próximos dias e será encaminhado á ao Ministério Público e Vara da Infância e Juventude para as providencias cabíveis.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias