Menu
terça, 22 de junho de 2021
Esportes

Zampieri, Romboli e Lopes estreiam no quali do Challenger de Praga

Os tenistas do Centro de Formação e Rendimento disputam torneio de € 42.500 na República Tcheca

08 Ago 2015 - 09h02Por Redação
Os tenistas precisam vencer três partidas para passar o qualifying do Challenger de Praga. Foto: João Pires/Jump - Os tenistas precisam vencer três partidas para passar o qualifying do Challenger de Praga. Foto: João Pires/Jump -

Os tenistas do Centro de Formação e Rendimento, CFR, Fernando Romboli, Caio Zampieri e Tiago Lopes iniciam campanha neste sábado no qualifying do Challenger de Praga, na República Tcheca, disputado em quadras de saibro. O torneio distribui € 42.500 em prêmios e oferece hospedagem aos jogadores da chave principal.

O carioca radicado em Santos, Fernando Romboli, cabeça de chave 7 do quali e 312º da ATP, enfrenta na primeira rodada o argentino Tomas Lipovsek Puches. "Será uma partida muito dura, joguei contra ele na semana passada e acabei perdendo. Mas, aqui as condições são diferentes e estou me sentindo muito bem para imprimir meu ritmo de jogo", disse Romboli, de 26 anos, que foi superado na primeira rodada do ATP 250 de Gstaad pelo argentino 378º do mundo, por duplo 6/3. Nesta temporada, Romboli subiu mais de 300 posições no ranking mundial, após seu primeiro título de Challenger da carreira, conquistado na Colômbia, em Cali.

Caio Zampieri, 291º do mundo e cabeça de chave 4 do qualifying, joga contra o tcheco Libor Salaba, 658º da ATP, na primeira rodada. O paulista de 29 anos, que já foi 182º do mundo em 2010, vem de uma ótima fase na carreira. Ele subiu mais de 100 posições no ranking no mês de junho, após a conquista de três títulos consecutivos nos torneios ITF de Itajaí. O tenista faz parte da equipe do Centro de Formação e Rendimento, comandado por Elson Longo em São Carlos, desde março deste ano.

Tiago Lopes, 469º da ATP, estreia contra o tcheco Dominik Suc, 719º do mundo, convidado da organização. "Será o primeiro jogo da minha gira na Europa, espero me sentir bem em quadra. Não conheço meu adversário, espero fazer a minha parte e me adaptar às condições o mais rápido possível", explicou o paulista de 28 anos, que se preparou durante um mês nas quadras do CFR em São Carlos, juntamente com os outros atletas da equipe.

Os tenistas precisam vencer três partidas para passar o qualifying do Challenger de Praga.

A equipe do Centro de Formação e Rendimento vai fazer um giro na Europa de seis semanas, ainda sem torneios definidos. Os tenistas viajam sob a supervisão do treinador Elson Longo.

Hocevar e Santos jogam Future de Belém

Os outros tenistas do CFR, Ricardo Hocevar, 496º da ATP, e Nicolas Santos, 823º do mundo, disputam a partir do dia 17 de agosto, o ITF Future de Belém, no Pará, que distribui US$ 15 mil em prêmios e que dá hospedagem para os tenistas da chave principal. O torneio será disputado em quadras rápidas.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias