Menu
quinta, 29 de outubro de 2020
Basquete

Meneghelli faz balanço positivo do time sub17 no primeiro semestre

Equipe são-carlense fez quatro jogos e obteve quatro vitórias; mas técnico alerta: restante da Liga será complicada

09 Ago 2018 - 13h03Por Marcos Escrivani
Meneghelli faz balanço positivo do time sub17 no primeiro semestre - Crédito: Marcos Escrivani Crédito: Marcos Escrivani

Um primeiro semestre perfeito na fase de classificação da Liga Centro-Oeste Paulista: quatro vitórias em quatro jogos. 100% de aproveitamento e liderança invicta. Vitórias em cima de Iacanga, Garça, Araçatuba e Assis.

Diante de uma campanha perfeita, o técnico Nivaldo Carlos Meneghelli Júnior fez um balanço positivo da equipe sub17 de basquete masculino Meneghelli/Objetivo, mas manteve os pés no chão.

“Fizemos somente a lição de casa. Usamos o fator casa e conquistamos as vitórias”, amenizou o treinador. Contudo, disse que a campanha causa surpresa, pois teve que remontar a equipe que começou o ano sem armadores.

“Hoje trabalhamos o Pedro Santos, que tem 1m94 de altura e é bem leve. Ele está em fase de aprendizado, mas mostra muita qualidade”, afirmou o treinador. “Mas temos paralelamente a experiência do Cipriano (Matheus), remanescente de 2017. “Nossa equipe é jovem, leve e rápida. E ocorreu um encaixe perfeito entre os atletas. Com isso temos hoje uma equipe alta e rápida e a cada partida, os atletas ganham confiança e os resultados acontecem”, disse Meneghelli.

SEGUNDO SEMESTRE COMPLICADO

No segundo semestre a tarefa da equipe promete ser mais complicada na fase de classificação da Liga Centro-Oeste. O Meneghelli/Objetivo terá apenas uma partida em casa e cinco que serão na casa do adversário. Hoje a equipe lidera e para manter a boa campanha, o treinador acredita que os atletas terão que buscar a superação.

O primeiro desafio será sábado, 1º de setembro, quando o sub17 segue para Tupã e terá o primeiro compromisso na casa do adversário. “Fora será diferente. Uma quadra desconhecida, a pressão da torcida, o cansaço da viagem, a ansiedade pela partida. Tudo será contra e temos que lembrar que são jovens em formação e isso pode influenciar”, afirmou Meneghelli.

Para tanto, o treinador informou que a preocupação agora é corrigir as falhas apresentadas nos treinos, aumentar a intensidade nas atividades e conversar bastante. “Não podemos pressionar os jogadores. Os jogos ganham em importância. Então temos que preparar o grupo e usar muito a psicologia. Procurar passar confiança e montar um time para buscar a vitória e começar bem a série de jogos decisivos”, finalizou Meneghelli.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias