Menu
quarta, 30 de setembro de 2020
Handebol Feminino

H7 Esportes tem um 2018 recheado de conquistas e encerra temporada com um ouro no peito

10 Dez 2018 - 09h19Por Marcos Escrivani
H7 Esportes tem um 2018 recheado de conquistas e encerra temporada com um ouro no peito - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Um ano considerado perfeito e com muitas conquistas. Por fim, uma medalha de ouro na última apresentação do ano. A equipe de handebol feminino H7 Esportes tem uma temporada que ficará marcada na história, na opinião do técnico Antonio Carlos Rodrigues. Graças aos bons resultados obtidos ao longo de 2018 e que culminou com o título da 9ª Copa Derla, encerrada domingo, 9, a tarde, no ginásio municipal de esportes Mário Russão Dário, em Mococa, quando venceu as donas da casa por tensos 18 a 17.

O time sub18 disputou a categoria adulta. Portanto, adversárias bem experientes. Mesmo assim, além da medalha de ouro, o time são-carlense foi premiado com a escolha de Beatriz Fleury, ponta direita, eleita o destaque da partida e Isabella Pavanelli, considerada a melhor jogadora do campeonato.

Jogaram e marcaram pelo H7 Esportes: Maria Fernanda Borella, Milena Ribeiro (4 gols), Lorena Giliotti, Ana Clara Silva Barros, Isabela Soares Mendes Botelho, Rayssa Camila dos Santos Costa, Fernanda Pagotto Businaro, Danieli Tavares da Silva, Kethellin Cristina Caetano (3 gols), Giovana de Souza, Maria Carolina Marques Zancheta, Luana Soriano Jung (1 gol), Julia Meneguine Tonicelo, Luana de Oliveira Pariz, Beatriz Domingues Fleury (9 gols), Isabella Pavanelli e Júlia Maria Ré (1 gol).

BALANÇO POSITIVO

Tendo como principal virtude o padrão de jogo exibido durante o campeonato, Antonio Carlos afirmou que está satisfeito com o que a equipe apresentou em 2018 e na Copa Derla.

“O time teve um balanço positivo, tendo em vista que nós entramos nessa competição para que as atletas ganhassem volume de jogo para as competições como Campeonato Paulista, Jogos Regionais, Jogos Abertos, entre outros. Porém a evolução foi nítida principalmente o padrão de jogo. Então ficou claro que a nossa equipe só conseguiu vencer graças ao padrão de jogo que é uma defesa consistente e os contra ataques esse era o ponto forte nosso, tanto é que o jogo foi bem disputado, tendo em vista que a equipe delas é uma equipe adulta e isso pesa. Nós conseguimos neutralizar o que elas tinham de melhor enquanto vinham com experiência. Foi a vitória da juventude”, disse.

Antonio Carlos fez questão de salientar que a campanha ao longo da temporada foi excelente, uma vez que o time são-carlense, além de títulos, teve atletas convocadas para a seleção brasileira.

“De todas as metas estipuladas no ano atingimos 90%. Nos Abertos era chegar na semifinal porém este detalhe ficou de lado com a convocação de duas atletas para seleção brasileira e a evolução da equipe como um todo mesmo sendo jovem e prova disso foi a conquista de hoje sobre a equipe adulta de Mococa. Podemos dizer que este é o melhor ano da história de nossa equipe”, ponderou Antonio Carlos.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias