Menu
sexta, 05 de março de 2021
Esportes

Gabi Sepe conquista vaga inédita e disputará Pan-Americano de Karatê

13 Jul 2016 - 09h03
Foto: Geraldo de Paula - Foto: Geraldo de Paula -

Após defender a Seleção Brasileira de Karatê no Campeonato Sul-Americano, onde terminou com a quinta colocação, a atleta são-carlense Gabrielle Sepe conquistou vaga inédita e vai disputar o Campeonato Pan-Americano que será realizado no final de agosto em Guayaquil, no Equador.

Domingo, 10, em Porto Alegre/RS, Gabi representou a Academia Wada e participou da seletiva nacional que dava vaga para o Pan-Americano e justificou sua condição de favorita, ficando com a primeira colocação e se classificando para representar o Brasil no campeonato.

Gabi é atleta da seleção brasileira sub21 desde maio deste ano e com a vaga garantida, vai para sua segunda competição internacional representando a seleção.

"É muito gratificante para um técnico ver o crescimento de seu atleta. A Gabi tem tudo para brilhar no Pan. No Sul-Americano já mostrou o que é capaz. É uma atleta que está numa crescente, vem adquirindo experiência, e está muito bem preparada. Eu já vinha dizendo a algum tempo que assim que ela entrasse na seleção, ia ser difícil parar ela. Agora vamos intensificar os treinamentos, corrigir algumas coisas e deixá-la em condições ainda maiores. Tenho certeza que irá fazer bonito." comentou o técnico Adriano Wada, que treina a Gabi há mais de 3 anos e acompanha o crescimento da atleta.

Gabi que também disputou na sexta-feira, 8 e sábado, 9, o Campeonato Brasileiro Regional, onde conquistou  quatro medalhas e se classificou para as finais do Brasileiro, se mostra bastante entusiasmada. "É muito gratificante ter seu trabalho reconhecido. Vou com tudo para esse Pan. Fui muito bem mês passado no Sul-Americano e quero repetir no Pan. Estou focada, com muita vontade de vencer. Realizei um sonho que era ser atleta da seleção brasileira. Agora está na hora de realizar outro, ser campeã representando o Brasil".

A atleta espera também a definição dos Jogos Regionais, para além de participar, usar o mesmo como parte de seu treinamento. "Gostaria muito de participar dos Regionais, representando São Carlos antes da minha viagem para o Equador, mas a indefinição de quando vai ser, se é que vai ocorrer, só me faz esperar. Além do orgulho em representar minha cidade também serviria de preparação para o Pan, uma vez que o jogos regionais, juntamente com os Abertos é uma das competições mais forte que existe no calendário nacional. É praticamente um Campeonato Brasileiro, onde atletas do Brasil inteiro vem para esses jogos e isso me ajudaria muito na preparação, poder disputar com atletas de ponta seria além da competição, um ótimo treinamento", finalizou.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias