Menu
quarta, 03 de março de 2021
Esportes

Copa Evangélica: Quem Procura Acha e Nazareno vencem e garantem vaga na final

08 Mai 2016 - 10h29Por Gustavo Curvelo (colaborador)
Nazareno e Restaurando Vidas/Maranata protagonizaram duelo emocionante. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação - Nazareno e Restaurando Vidas/Maranata protagonizaram duelo emocionante. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação -

Quem Procura Acha e Nazareno estão na grande final da Copa Evangélica de futebol de campo. Neste sábado, 7, as equipes não pouparam esforços para vencer seus duelos, garantindo a classificação para o jogo que vale o título máximo do torneio. Os confrontos aconteceram no estádio municipal Luiz Estevan de Siqueira, o Zuzão, que contou com boa presença de público.

A primeira a cumprir seu papel foi a Quem Procura Acha. Diante da até então invicta Pentecostal da Bíblia/Missão Atos, o time do treinador Zinho apostou numa postura ofensiva desde o início, conseguindo a vitória por expressivos 7 a 3.

A contagem foi aberta ainda nos primeiros minutos com Alex em finalização colocada, e Gamarra, logo depois, tocou na saída do goleiro Vinícius para ampliar. A Pentecostal da Bíblia/Missão Atos reagiu e descontou com Marquinho, mas Wilson Roque e Alex voltaram a marcaram para a Quem Procura Acha. Ainda no primeiro tempo, Willian Morais diminuiu em cobrança de pênalti.

Na volta do intervalo, a equipe alvinegra não deu chance e voltou a ter vantagem expressiva com Rubens, e embora Willian Morais ainda tenha tentado dar esperança à Pentecostal da Bíblia/Missão Atos, os comandados de Dinei Alves tiveram as baixas de Manolo e Diego Souza, expulsos, sofrendo mais dois tentos com Alex e Dodô antes do apito final.

Depois, quem não poupou a torcida de emoções foi a atual campeã Nazareno, que em partida épica, venceu de virada a Restaurando Vidas/Maranata por 3 a 2 e garantiu a vaga na decisão.

No primeiro tempo, dois sustos: ainda nos primeiros minutos, a Restaurando Vidas/Maranata abriu a contagem com Antônio aproveitando confusão na área, o que fez o time jogar um futebol defensivo, explorando os contra-ataques. Desta forma, no final da etapa inicial, o mesmo Antônio aproveitou chute forte de Patrik que explodiu no travessão e, na sobra, anotou o segundo tento.

No intervalo, o treinador Euclides Fuzzato promoveu alterações, fortalecendo o meio-campo. E, já nos 20 minutos finais de partida, reagiu com Fábio Aurélio, em belo chute de fora da área. Assim, o gol empolgou a equipe, que após levantamento na área, viu Luis Eduardo empatar e, restando dois minutos para o final, Fábio Aurélio completar cruzamento da direita, decretando a virada no placar e a classificação.

A definição pelo título, em jogo único, acontece no próximo sábado (14), às 14h45, no próprio Zuzão. Antes, às 13h, Pentecostal da Bíblia/Missão Atos e Restaurando Vidas/Maranatase enfrentam valendo o terceiro lugar. Ambos os jogos tem entrada gratuita ao público, com o empate levando a disputa à prorrogação e, em caso de nova igualdade, às cobranças de pênalti.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias