Menu
quinta, 25 de fevereiro de 2021
Esportes

Cogitando atletas renomados, Geração de Cristo prepara-se para a Copa Evangélica

29 Jun 2016 - 15h47Por Gustavo Curvelo (colaborador)
Organizador do futebol da igreja, Thiago Domingos já jogou profissionalmente. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação - Organizador do futebol da igreja, Thiago Domingos já jogou profissionalmente. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação -

Após sucessivas parcerias com a Nazareno a fim de formar uma equipe cedendo um número reduzido de atletas, a Geração de Cristo optou pelo caminho inverso e, agora, é igreja principal na Copa Evangélica. Os primeiros compromissos acontecem nos torneios de futebol society e salão, no segundo semestre, e a expectativa é positiva.

"Nosso time tem sua base definida, mas precisamos firmar algumas outras peças para agregar ao coletivo. Temos um bom goleiro, devemos contar com dois frutos fieis e possuímos na igreja jogadores que gostam de futebol, mas precisam de um pouco mais de experiência", disse Thiago Domingos, organizador do esporte da congregação e com passagens inclusive pelo futebol profissional.

Aliás, velhos conhecidos parece ser um dos pontos fortes da equipe para obter êxito nas competições. Afinal, o time cogita a possibilidade de contar com atletas conhecidos Brasil afora por seu talento futebolístico, embora ainda nada esteja definido formalmente.

"Gostaríamos muito de ter no elenco não apenas jogadores, mas tambémpessoas, e nisso nenhum dos nossos membros da igreja deixa a desejar. O Fábio [Aurélio, ex-São Paulo FC, Valência e Liverpool] e o Fabinho [filho do ex-lateral esquerdo em questão] ainda não confirmaram presença por causa de seus compromissos, mas queremos contar com eles assim como com o Edu [ex-atacante do Real Bétis e do Valência], que está um pouco mais difícil por causa de uma lesão que sofreu", salienta Thiago, que já vestiu a camisa do Paulistinha no Campeonato Paulista da Segunda Divisão.

No caso do futsal, por conta da Geração de Cristo adentrar ao torneio com um número majoritário de atletas no elenco apenas neste ano, a equipe disputará a Série B, o que não desanima Thiago.

"O mais importante a gente sabe que é o testemunho, dar exemplo dentro e fora de quadra. É claro que vamos buscar o acesso, estamos querendo montar um time competitivo e vamos marcar alguns amistosos para testar nossa qualidade, mas sem esquecer o real propósito da Copa Evangélica", salienta.

Ainda com relação à possível ascensão de divisão, o atleta descarta que, em virtude da igreja possivelmente contar com um elenco badalado, a pressão possa influenciar na busca pelo acesso. Para ele, o fato é subjetivo, dependendo da interpretação de cada jogador.

"Isto é algo que tem dois lados, dois pontos de vista. Para alguns pode ser benéfico e uma motivação a mais, mas para outros pode representar um peso. Eu particularmente não considero como um problema porque sei lidar com isso, e espero que a equipe, de maneira geral, reaja da mesma forma", conclui Thiago Domingos.

Em preparação para os torneios da Copa Evangélica, a Geração de Cristo aguarda o congresso técnico para definir os grupos e datas que a equipe entra em quadra. O campeonato de futebol society acontece no dia 9 de julho, servindo como torneio início para a competição de futsal, que se inicia em 13 de agosto e se alonga por todo o segundo semestre. Ambos devem contar com 29 times.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias