Menu
quarta, 16 de junho de 2021
Esportes

CFR está na chave principal do Challenger de Campinas

Equipe são-carlense terá quatro representantes no torneio que distribui 50 mil dólares em prêmio

22 Set 2015 - 07h41Por Redação
Numa batalha de três sets e 2h13min, Tiago Lopes, 578º, venceu Thiago Monteiro, por 3/6, 6/4 e 6/3. Foto: João Pires/Jump - Numa batalha de três sets e 2h13min, Tiago Lopes, 578º, venceu Thiago Monteiro, por 3/6, 6/4 e 6/3. Foto: João Pires/Jump -

Após vencerem duras partidas na última rodada do quali nesta segunda-feira, Tiago Lopes e Ricardo Hocevar se uniram a Fernando Romboli e Caio Zampieri na chave principal do Challenger de Campinas, que distribui US$ 50 mil em prêmios, com hospedagem, realizado em quadras de saibro. Os tenistas fazem parte do Centro de Formação e Rendimento, CFR, comandado por Elson Longo, em São Carlos.

Ricardo Hocevar, 514º do mundo, derrotou Fabricio Neis, em sets diretos, 6/3 e 6/4 e garantiu uma vaga na chave principal do torneio. "Joguei muito bem hoje, principalmente nos momentos importantes e consegui impor meu jogo contra o Fabricio. Agora, estou de volta na chave, se eu continuar jogando assim, tenho boas chances de avançar no torneio", disse o paulista ex-top 150 que na próxima rodada enfrenta o argentino, Guido Andreozzi, 217º.

Numa batalha de três sets e 2h13min, Tiago Lopes, 578º, venceu Thiago Monteiro, por 3/6, 6/4 e 6/3. "Hoje foi um jogo muito duro, comecei perdendo o primeiro set. Depois, consegui um break no 5-4 do segundo set, que acabou me rendendo o set. Comecei o terceiro set com um break abaixo e consegui virar. Então foi realmente um jogo bom para ganhar confiança e ver que estou forte mentalmente, porque tiveram muitas adversidades e eu consegui reagir bem nesses momentos", disse Lopes, que enfrenta na chave principal, Juan Ignacio Londero, 333º. "Amanhã será um confronto inédito, é um jogo novo, mas eu o conheço bem, sei como ele joga. Então, tem tudo para ser um bom jogo."

Fernando Romboli, 310º da ATP, enfrenta uma das promessas da nova geração, Marcelo Zormann, de 19 anos e 646º, na primeira rodada da chave de simples, nesta terça. "Será um jogo duro como qualquer outro na chave, me sinto bem adaptado às condições do torneio e espero fazer uma ótima partida", explicou o tenista do CFR.

Caio Zampieri, 302º, encara o convidado da organização Carlos Eduardo Severino, 429º. "Espero jogar solto e tranquilo já que venho há algum tempo sem jogar. Quero fazer meu jogo sem pensar muito no resultado", disse Zampieri.

Nas duplas, Fernando Romboli e o equatoriano Giovanni Lapentti foram superados pela parceria formada pelos argentinos Facundo Arguello e Juan Ignacio Londero, 3/6, 6/1 e 10-7. Caio Zampieri e o argentino Nicolas Kicker foram superados por Orlando Luz e Marcelo Zormann, por 3/6, 7/5 e 15-13.

A equipe do CFR está em Campinas sob a supervisão de Guilherme Lucente.

BRITTO

Na Bolívia, o jogador do CFR, Luis Britto, passou o quali do ITF Future de US$ 10 mil de Cochabamba, realizado em quadras de saibro. Depois de vencer duas rodadas, Britto superou Mauricio Cassimiro nesta segunda, por 7/6 (2) e 6/1. Agora, na chave principal, ele enfrenta o argentino Santiago Villaruel.

O treinador Felipe Porto acompanha a equipe do CFR na Bolívia.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias