Menu
segunda, 19 de abril de 2021
Esportes

A3: Rodada equilibrada e sem novidades. Destaque para jogos movimentados em Indaiatuba e Rio Preto

22 Fev 2018 - 08h38Por Redação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

A 11ª rodada do Campeonato Paulista da Série A3, ocorrida nesta quarta-feira, 21, foi marcada pelo equilíbrio e poucas novidades, com duas partidas bem movimentadas.

A rodada se deu início em Bebedouro, onde a Matonense ainda sem casa venceu o Manthiqueira pela contagem mínima. O time do técnico Luciano Quadros, desde o início foi mais incisiva, porém a falta de qualidade do elenco prejudicava nas conclusões. A tônica do jogo foi essa até o final e quando o 0 x 0 já parecia evidente, Cléber subiu mais que a defesa adversária e cabeceou firme, fazendo 1 a 0 aos 43 minutos do 2º tempo e matando o jogo

No confronto dos líderes Atibaia e Portuguesa Santista, o placar ficou igual em Indaiatuba. Os visitantes saíram na frente meio que por acaso: Aos nove minutos, Rômulo cruzou na área e o zagueiro Gledson foi tentar afastar mas acabou fazendo contra o seu próprio patrimônio. A partir daí, o Atibaia se lançou ao ataque em busca do empate e a partida passou a ficar bastante disputada no meio-campo, porém nos contra ataques, a Briosa era mais perigosa. No segundo tempo, a Portuguesa continuava pressionando, porem parava nas mãos do goleiro Cairo. Aos poucos o Atibaia foi voltando para o jogo e a recompensa veio aos 27 minutos. Danilo Pereira em um chute cruzado sem chances para Rodrigo Calchi empatou o jogo. A partir daí, a partida totalmente aberta com os dois times buscando o desempate e a Portuguesa Santista aproveitou para logo marcar o seu segundo gol, ficando mais uma vez na frente do placar. Aos 32 minutos, Léo Gonçalves - que havia acabado de entrar na partida - recebeu na área e não desperdiçou. Daí o Atibaia foi para o tudo ou nada e mais uma vez conseguiu empatar. Aos 40, Danilo Pereira cruzou na área e Mascote, de cabeça, mandou a bola para o fundo das redes e fechou a conta. Final 2x2

Em Porto Feliz, o Desportivo Brasil fez a lição de casa e passou pelo Olímpia, por 2x0. O jogo demorou todo o primeiro tempo para sair do zero. Aos 46 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Landis apareceu de surpresa e, de cabeça fez 1x0. O Olimpia voltou melhor no segundo tempo, porém Max Pardalzinho e Buiú cansaram de perder gols. E como no futebol quem não faz toma, Douglas fez 2x0 para o Dragão Chinês ainda na primeira metade do tempo final. Depois disso o Desportivo Brasil se postou na defesa, porém o Olimpia não conseguiu furar o bloqueio e o resultado ficou assim mesmo.

Em Itapira, mais do mesmo. O Mogi Mirim perdeu novamente. Dessa vez frente o Barretos do técnico Paulinho McLaren. Apesar da péssima campanha, o Sapão até começou bem, mas quando a coisa não vai bem, não tem jeito. Num contra-ataque puxado pelo lateral Gabriel Inocêncio, Hugo recebeu na cara do goleiro Hotton, que estava adiantado e não vacilou. Fez um belo gol e decretou a vitória que mantem o Touro colado nos líderes.

Em Americana, finalmente o Rio Branco pode estrear em casa. E nada melhor do que enfrentar seu maior rival regional e num confronto direto valendo posições no campeonato. O público fez sua parte. Compareceu em bom número, porém faltou combinar a festa com o União Barbarense. O time visitante, foi sempre melhor no início da partida e num lance que contou com uma bobeada da zaga, Wilker recebeu livre na grande área e tentou o corte para o meio, quando acabou derrubado. O árbitro não teve dúvidas e apontou a marca da cal. Na cobrança do pênalti, Jean Natal bateu com força, no ângulo. O Rio Branco cresceu no segundo tempo, buscando um empate diante da sua torcida. Ainda assim, os jogadores de frente pecavam nas tomadas de decisão e o goleiro do União Barbarense tinha pouco trabalho. Do outro lado, o time de Santa Bárbara do Oeste tinha a vantagem no placar e o controle da partida, atuando principalmente nos contra-ataques. Mas o resultado final foi esse mesmo. Rio Branco 0x1 União Barbarense.

O Velo Clube foi a Osasco e venceu o Grêmio local por 2x1. A proposta do técnico Cleber Gaúcho de jogar nos contra ataques começou a dar certo aos 21 minutos do 1º tempo. Chuck em velocidade, foi até a linha de fundo e cruzou muito bem para Rafael Guedes aparecer livre e abrir o marcador. O Grêmio Osasco até tentou correr atrás do empate, mas não teve sucesso na primeira etapa. Na volta do intervalo, o equilíbrio se manteve, porém o time da casa não demorou muito para voltar a deixar o placar em igualdade. Logo aos 5 minutos, após escanteio, Vitti aproveitou bate-rebate na área para mandar para o fundo das redes. Ao contrário do que poderia ser esperado, o Velo Clube não sentiu o gol e se recompôs em campo. Não demorou muito para os visitantes retomarem as rédeas do jogo. Chuck novamente construiu a jogada. O atacante sofreu pênalti e Glauber na cobrança determinou a vitória do Velo.

Em São José do Rio Preto, no jogo dos gols relâmpagos, Rio Preto e São Carlos ficaram no 2x2. O Rio Preto começou com tudo em busca do gol que perdeu duas chances com Jonathas Obina. O São Carlos se recompôs e numa bela jogada de Maranhão, abriu o placar aos 18 minutos. O Rio Preto ainda se lamentava do gol sofrido quando Gustavo Henrique recebeu um excelente lançamento e na saída de Poti fez o segundo. E quase na sequência, num chute de fora da área disparado por Viola, o goleiro rio-pretense salvou aquele que seria o terceiro gol em três minutos. Após as alterações feitas pelo técnico Rodrigo Fonseca, o Rio Preto voltou do intervalo parecendo outro time. Aos 4 minutos, Édipo ex São Carlos, nem precisou sair do chão para ganhar de cabeça do zagueiro Carlão e desviar no contra pé do goleiro Cesar para iniciar a reação do time da casa. Três minutos depois, Após cobrança de falta mal cortada pela zaga do São Carlos, Maycon entrou como quis pelo lado direito e mandou uma paulada na diagonal que Cesar nada pode fazer. A partir daí o que se viu foi um bombardeio. Édipo até fez mais um, porém estava impedido. O time visitante, visivelmente morto em campo, só aguardava o final da partida e contava com a sorte para não levar a virada. O time acabou tendo mais sorte do que juízo e conseguiu se segurar até o final.

Em Capivari, o Capivariano venceu o Taboão da Serra por 2x0. Apesar do resultado, o jogo foi ruim de doer. A primeira jogada efetiva de gol aconteceu somente aos 3 minutos da etapa final. Muito pouco para dois times que buscam a classificação para a segunda fase. Mas enfim. Aos 26 minutos, o lateral direito Praxedes aproveitou uma confusão na área e abriu o marcador para o Leão. O Taboão que não vinha bem, sentiu ainda mais o gol e se perdeu de vez no jogo. O Capivariano seguia em cima e aos 37 minutos, Matheus fez um estrago na defesa do CATS e serviu Bill que só escorou e deu tranquilidade ao Capivariano.

Em outro clássico regional, Noroeste e Marilia se enfrentaram em Bauru. O Jogo começou equilibrado, mas sem exigir muito dos goleiros. Porem no primeiro grande momento do jogo, após marcação de pênalti, Leandro Oliveira do Noroeste bateu forte, porem o goleiro Gilson defendeu. O equilíbrio e o zero a zero permaneceram por boa parte do segundo tempo. Aos 28 minutos, Alef que havia entrado a pouco aproveitou um vacilo da zaga do MAC e fez o gol que deu a vitória ao Noroeste.

No Grande ABC, São Bernardo e Monte Azul empataram em 1x1. O resultado não foi interessante para nenhuma das duas equipes. Mas, vamos ao jogo: Aos 13 minutos, Dênis cobrou falta para dentro da área e Bruno Gaúcho cabeceou forte e abriu o marcador para o Bernô. A partir daí, o Monte Azul foi para o ataque e desperdiçou chances preciosas. O segundo tempo começou da mesma forma com o Monte Azul pressionando em busca do empate. O São Bernardo arriscava nos contra ataques, mas também não se encontrava. De tanto insistir, o Azulão conseguiu o empate aos 35 minutos. Hayllan recebeu na entrada da área e bateu sem chances para o goleiro alvinegro. Ainda houve tempo para o São Bernardo tentar a vitória, porem a bola insistiu em não entrar. (colaborador: Ednelson Simonetti)

CLASSIFICAÇÃO http://media.saocarlosagora.com.br/_versions_/uploads/clas_seriea3_11rodada_b620.jpg

(Fonte: Futebol Interior)

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias