Menu
segunda, 20 de setembro de 2021
Entretenimento

Museu de São Carlos finaliza revitalização do acervo

O acervo foi reproduzido digitalmente, o que resultou em 3.860 itens de coleções para pesquisas

25 Jun 2010 - 09h20Por Redação São Carlos Agora

O Museu de São Carlos, inaugurado em 1957, preocupado em garantir a conservação e preservação de suas peças histórica, iniciou em 2001 o Projeto de Revitalização de seu acervo com o intuito de melhorar o acesso às informações contidas em cada suporte, não apenas para a equipe da instituição, mas também para os pesquisadores e interessados em geral.

Na primeira etapa, pensando na preservação e melhor conservação das coleções de fotografias e documentos, a equipe do Museu confeccionou manualmente 2 mil envelopes em papel filiset neutro (utilizado para restauração) para acondicionar cada item das coleções, que foram posteriormente guardados em pastas suspensas, plásticas e transparente, que não transmitem acidez aos bens. As pastas estão organizadas em arquivos.

Na etapa dois, todas as coleções (históricas, artes visuais, etnográfica, fotografias e brinquedos) foram reproduzidas digitalmente, resultando em um acervo digital com 3.860 itens. Os documentos e as fotos foram scaneados em boa resolução e os objetos fotografados por um profissional, seguindo todas as orientações e normas museológicas.
Na terceira e última etapa as informações sobre as peças foram inseridas em duas bases de dados, sendo uma delas desenvolvida pela equipe da instituição, visando o gerenciamento das coleções, e a outra, resultou do Projeto de Políticas Públicas da FAPEP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) “Memória Virtual”, que uniu instituições e universidades envolvidas com a preservação do patrimônio histórico, artístico, cultural e natural do município de São Carlos.

O objetivo do projeto foi desenvolver uma base de dados que pudesse inventariar as mais diferentes tipologias de acervos históricos. Esse procedimento possibilita que o acervo seja manuseado o mínimo possível, contribuindo para a sua conservação e agilizando o acesso às informações referentes a cada objeto.

Diante da finalização das três etapas, o Museu de São Carlos coloca-se a serviço da população e dos pesquisadores como mais um espaço de referência para pesquisa, que pode ser feita de segunda à sexta-feira das 9 às 12h e das 14 às 17h no andar térreo da Estação Cultura, praça Antonio Prado, s/n.

O acesso ao Museu é gratuito. Os pesquisadores interessados devem levar suas mídias para que as informações possam ser salvas.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias