Menu
quinta, 06 de maio de 2021
Entretenimento

Jair Rodrigues faz show gratuito em São Carlos nesta quinta-feira

29 Out 2012 - 13h50
0 - 0 -

Nesta quinta-feira (01), às 20h30, o cantor e compositor Jair Rodrigues é a grande atração do Sesc São Carlos. A entrada é a gratuita.

Com o show "Jair de Todas as Bossas" o cantor comemorará 50 anos de carreira e também o aniversário de São Carlos que é celebrado no dia 4 de novembro.

O show percorre os grandes sucessos da carreira de mais de 50 anos de Jair Rodrigues, com músicas que permeiam as raízes brasileiras, como samba, sertanejo e forró, num espetáculo que promete agradar os apaixonados pela MPB. Aos 73 anos de idade Jair esbanja energia no palco e o público pode esperar uma apresentação empolgante, já que o cantor interage constantemente com o público.

Repertório previsto

Triste madrugada - Jorge Costa
Adeus tristeza - Paulinho Dafilin
Boi da cara preta - Zuzuca
O Mundo melhor de Pixinguinha - Evaldo Gouvea e Jair Amorim
Isto o que o que é - Alair Pires Vermelho
Aquarela do Brasil - Ary Barroso
Eu sei que vou te amar - Tom Jobim e Vinicius de Moraes
Você abusou - Antonio Carlos e Jocafi
Tristeza - Haroldo Lobo e Niltinho
Disparada - Geraldo Vandré e Theo de Barros
Deixa isso para lá - Alberto Paz e Edson Menezes
Majestade o sabiá - Roberta Miranda

Sobre o cantor

Jair Rodrigues de Oliveira, paulista de Igarapava, nascido em6 de Fevereiro de 1939, iniciou sua carreira em 1957 atuando como crooner em casas noturnas do interior de São Paulo. Seus primeiros LPs foram "Vou de samba com você" e "O samba como ele é", lançados em 1964.

Nessa época, atingiu grande popularidade com sua interpretação da música "Deixa isso pra lá" (Alberto Paz e Edson Meneses), marcada pela gesticulação que fazia com a palma da mão. Essa canção, considerada precursora do rap brasileiro por seu refrão "falado", foi regravada em 1999 com a participação do grupo paulistano de rap Camorra.

Em 1965, Jair Rodrigues substituiu Baden Powell no show realizado no Teatro Paramount, em São Paulo. Foi nesta ocasião que cantou pela primeira vez ao lado daquela que seria sua parceira, a estreante Elis Regina, com quem lançou em seguida o LP "Dois na bossa", gravado ao vivo.

Em 1966, gravou o LP "O sorriso do Jair". Participou, no mesmo ano, do II Festival de Música Popular Brasileira (TV Record), defendendo a canção "Disparada" (Geraldo Vandré e Teo de Barros), dividindo o primeiro lugar com "A banda" (Chico Buarque), interpretada por Nara Leão. Ao lado de Elis lançou mais dois volumes da série "Dois na bossa", em 1966 e 1967.

Sua popularidade não se restringiu somente ao Brasil: realizou shows com frequência no exterior, em países como Portugal, Alemanha, França, Suíça, Itália, Estados Unidos e Japão. Apresentou-se com Elis Regina e o Zimbo Trio no Cassino Estoril, em Portugal, no Teatro Famoso, na Argentina, e no Cine Ávis, em Angola, entre outros espaços. Em 1970 gravou o LP "Talento e bossa de Jair Rodrigues".

Seu trabalho mais recente foi gravado em 2009, quando Jair Rodrigues completou 70 anos de vida e 50 de carreira, com uma comemoração em grande estilo no Auditório do Ibirapuera em São Paulo, gravando o CD e DVD "Festa para um Rei Negro" com participações Especiais de Pelé, Alcione, Jorge Aragão, Chitãozinho e Chororó, Pedro Mariano, Rappin Hood, Simoninha, Max de Castro, Luciana Mello, Jair Oliveira e Rodrigo Oliveira.

Serviço
Show Jair de Todas as Bossas - com Jair Rodrigues
Data: quinta-feira (1) - 20h30
Local: Sesc São Carlos (Avenida Comendador Alfredo Maffei, 700)
Valor: gratuito

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias