Menu
sexta, 30 de outubro de 2020
Entretenimento

Cia. Déborah Colker se apresenta em São Carlos

05 Nov 2009 - 19h43Por Redação São Carlos Agora
Depois de se apresentar no NY City Center, em Nova York, a Cia. Déborah Colker chega neste final de semana a São Carlos para duas apresentações (dias 6 e 7 de novembro) do Espetáculo Cruel, no Teatro Municipal “Dr. Alderico Vieira Perdigão”. Os ingressos podem ser adquiridos a preços populares – R$ 10 e R$ 5 (meia entrada).Além da própria companhia, Deborah Colker é reconhecida pelo seu trabalho no Cirque Du Soleil. É dela a coreografia do novo espetáculo da trupe canadense, que deve viajar o mundo.Segundo a Companhia, o Espetáculo Cruel é uma série aberta de elementos narrativos que só se completa com o olhar do espectador. Corpos em movimento que exigem a decifração, um novo jogo entre o acaso e a necessidade. Histórias ordinárias, daquelas que se repetem, atam e desatam. Histórias quase sempre cruéis.Numa construção coletiva, que durou cerca de um ano e meio, novos elementos foram incorporados ao trabalho, como um texto de Fausto Fawcett e uma história escrita por Fernando Muniz. “Todas as colaborações acabaram servindo como munição nesse processo criativo, sendo absorvidas através da dança e criando uma costura nas situações que se apresentam”, conta Deborah. “Mas o que se verá não é novela, não é teatro. É dança”, pontua a coreógrafa.O cenário e a direção de arte de Cruel são assinados por Gringo Cardia. A montagem de Cruel conta com 17 bailarinos.A CompanhiaO embrião da Companhia de Dança Deborah Colker nasceu, em 1993, nos salões do clube Casa do Minho, onde Deborah dava aulas. Em 1995, devido à repercussão de seu trabalho, a Companhia conquistou o patrocínio da Petrobrás, o que lhe permitiu firmar-se no panorama da dança mundial.Desde então, a Companhia se apresentou no Reino Unido, França, Alemanha, Áustria, Chile, Colômbia, Portugal, Argentina, Canadá, Estados Unidos, Holanda, Cingapura, Nova Zelândia, Macau, Irlanda, Japão e Uruguai, conquistando vários prêmios.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias