Menu
domingo, 11 de abril de 2021
Empregos

São Carlos registrou o maior estoque de empregos formais desde janeiro de 2020

De acordo com o Ministério do Trabalho, foram constatados 74.805 empregos com carteira na cidade

17 Mar 2021 - 17h19Por Da Assessoria de Imprensa
Carteira de Trabalho - Crédito: divulgaçãoCarteira de Trabalho - Crédito: divulgação

São Carlos registrou o maior estoque de empregos formais desde janeiro de 2020, segundo dados do Ministério da Economia. De acordo com a publicação foram constatados 74.805 empregos com carteira na cidade, frente a 73.327 em janeiro de 2020.

“A diferença de 1.478 empregos a mais do que no ano passado demonstra uma condição superior da economia do município frente a sua própria média dos últimos dois anos. Ao longo do mês de janeiro ocorreram 2.832 admissões e 2.109 desligamentos na cidade, um crescimento no saldo em 723 postos de trabalho”, informou o órgão.

O ministério apontou ainda que os dados de janeiro de 2021 mostraram que a economia se fortaleceu desde o mês de setembro de 2020.Se os dados tivessem sido publicados na data correta, em meados de fevereiro, haveria uma correção mais suave das expectativas com relação ao mês de março.Com isso no presente, a informação da expansão do emprego formal em 260.353 para o Brasil é tratada em segundo plano diante do fechamento das cidades nos mais diferentes estados brasileiros. As expectativas voltam-se para o mês de fevereiro e março.

Retornando ao mês de janeiro, a indústria aumentou a produção física em 0,4% no Brasil e 1,1% no Estado de São Paulo com relação ao mês anterior; o comércio varejista registrou contração de -2,1% no território nacional e -2,5% no estado de São Paulo, ambos também com relação ao volume real comercializado ante ao mês de dezembro de 2020; o setor de serviços recuou em -0,3 em receita nominal no Brasil, mas o volume físico aumentou em 0,6%.

Quanto ao emprego formal, a recuperação no conjunto para estados e para o Brasil em fevereiro e março pode ser prejudicada pela inexistência de planejamento regional tanto dentro dos próprios estados quanto pelas disputas eleitorais já em curso para 2022.   

Os resultados também foram positivos para o estado de São Paulo, que registrou aumento de 75.203 em janeiro de 2021 atingindo o estoque de 12.315.177 empregos. Em 2020 o estado de São Paulo tinha um estoque de 12.290.619 empregos formais.

O setor maior responsável pelo crescimento do emprego formal foi a indústria brasileira que respondeu favoravelmente à política cambial e à política de auxílios. O Brasil interrompeu a trajetória de exportação de empregos que caracterizou a economia nos últimos anos.

O saldo de contração do setor de serviços foi de 460, com maiores contratações em atividades de informação, comunicação, financeiras e saúde. O segundo maior saldo de contratação foi a indústria: 209. A construção civil aumentou 72 postos, a agropecuária 8 e o comércio reduziu 26 postos de trabalho.

A indústria criou 90.431 empregos formais em janeiro; o setor de serviços criou 83.686; a construção civil 43.498 postos; e agricultura 32.986. Os ciclos produtivos nos grandes setores, subsetores e em atividades nas cidades e regiões precisam de previsibilidade para evoluir e por esta razão as dificuldades em controlar a pandemia cria instabilidade e incerteza.

Contratos em economia são muito mais sérios do que os contratos políticos baseados em um sistema de valores que não coaduna com as necessidades de investimentos.  

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias