Menu
sábado, 27 de fevereiro de 2021
Eleições 2016

Dante se destaca em debate promovido pela Comissão Diocesana

29 Set 2016 - 10h52Por Redação
0 - 0 -

Foto: DivulgaçãoNa noite da última segunda-feira, 26, Dante Peixoto (PSOL) participou do debate promovido pela Comissão Diocesana de Caridade, Justiça e Paz. O evento promovido pela Igreja Católica aconteceu no auditório do Colégio La Salle e reuniu pessoas de diversas paróquias da cidade.

Logo no primeiro bloco, os candidatos tiveram que se apresentar e responder se em seu governo adotariam o ensino integral nas escolas e como obteria recursos para isso. Em sua resposta, Dante foi o único que lembrou as contrarreformas promovidas pelo governo Temer em âmbito nacional: exclusão das aulas de Artes, Educação Física, Filosofia e Sociologia do currículo do ensino médio, sem debater com o país a natureza das mudanças. Dante defendeu seu compromisso em investir 30% do orçamento municipal na educação a partir do 2º ano do seu governo, além de adotar eleições diretas para diretores de escola e fazer uma parceria entre as secretarias municipais para que o ensino integral promova o desenvolvimento dos estudantes em todos os seus âmbitos.

No bloco seguinte, Dante falou sobre a situação caótica do transporte da cidade. "Desde que a Athenas Paulista começou a circular em São Carlos ela já descumpria seu contrato. O PSOL entrou na justiça para impedir que seu contrato fosse renovado em 2014 e, passados dois anos, a Prefeitura nada fez", comentou. O candidato disse ainda que é preciso se comprometer com a tarifa zero no município todo, pois as pessoas não costumam só trabalhar, estudar e sair em locais próximos às suas casas. Para Dante, isso só é possível mudando o modelo de contratação da empresa: "quando se ganha por giro na catraca e não por quilômetro rodado, a superlotação é favorecida, pois colocam menos onibus para circular".

Na sequência do debate, Dante foi questionado sobre as propostas referentes a coleta de lixo. Afirmou que além de ser necessário reconstituir a coleta seletiva em toda a cidade, que foi desmontada pelo atual Prefeito, pretende implantar também a coleta de resíduos orgânicos para serem utilizados nas hortas comunitárias que vai criar ao longo dos rios e áreas verdes de São Carlos, além da coleta de materiais de construção. Sobre as políticas para a juventude, o candidato disse ser contra encarar como caso de polícia e segurança. "O poder público precisa oferecer oportunidade para os jovens e trabalhar com a prevenção no combate a violência. A Guarda Municipal deve atuar em conjunto com a assistência social e o conselho tutelar e iremos articular as áreas de cultura e esporte para a juventude não ficar marginalizada sem opções de lazer", comentou Dante.

Mais uma vez, o candidato finalizou agradecendo a oportunidade de debater sobre os rumos da cidade democraticamente, lembrou a importância de também eleger vereadores do PSOL para que a cidade tenha um mandato ao lado do povo, dando o exemplo dos parlamentares do partido a nível nacional que cassaram Eduardo Cunha, além de ser o único partido que não está na Lava Jato, e pediu o voto no domingo no 50.

comments powered by Disqus