Menu
terça, 21 de setembro de 2021
Colunistas

QUALIDADE DE VIDA: Pilates, os benefícios à saúde do idoso

27 Set 2017 - 03h09Por (*) Paulo Rogério Gianlorenço
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

Considerando o acúmulo de evidências em torno da atividade física, é indiscutível a importância de um estilo de vida ativo a promoção de saúde e de melhor qualidade de vida para todos os gêneros e idades, especialmente ao idoso.

Tradicionalmente, tem-se enfatizado a importância dos exercícios contínuos para a promoção de saúde. Entretanto, nos últimos anos tem sido também demonstrada à necessidade do treinamento contra-resistência para proporcionar efeitos benéficos sobre a aptidão muscular (força e resistência), metabolismo, função cardiovascular, função pulmonar, e maior mobilidade nas articulações, fatores de risco e bem estar.

Joseph Hubertus Pilates (1880-1967) nasceu próximo a Dusseldorf, Alemanha. Sua infância foi marcada pela fragilidade de seu estado de saúde, quando apresentou asma, raquitismo e febre reumática. Devido a isto, ainda jovem decidiu se especializar em anatomia, fisiologia, cultura física, mergulho, esqui e ginástica, passando também a dedicar-se a tarefa de se tornar fisicamente forte e saudável. Em 1912, aos 32 anos, J.H. Pilates se mudou para Inglaterra, onde trabalhou como lutador de boxe, artista de circo e treinador de autodefesa de detetives ingleses. Quando culminou a I Guerra Mundial, J.H. Pilates foi mandado juntamente com outros alemães para um campo de batalha em Lancaster, por ter sido considerado como um "inimigo estrangeiro". Lá, ele refinou suas idéias sobre saúde e condicionamento físico e encorajou seus colegas a participarem de seu programa baseado numa série de exercícios realizados no solo. O reconhecimento inicial de sua técnica ocorreu pela constatação de que nenhum dos internos naquele campo havia sido acometido pela epidemia de gripe que matou milhares de pessoas em outros campos na Inglaterra em 1918. No final da I guerra, J.H. Pilates foi transferido para ilha de Man onde aplicou seus conhecimentos para ajudar na reabilitação de pessoas feridas em conseqüência da guerra, Pilates então começou a experimentar exercícios com molas contidas nas próprias camas e descobriu que estas poderiam servir para condicionar os pacientes debilitados que permaneciam muito tempo deitados e sem se movimentar. Dessa forma, as molas serviam para recuperar força, flexibilidade e resistência, além de restabelecer o tônus muscular mais rapidamente.

Baseando-se em princípios, sobretudo relacionados às noções de concentração, equilíbrio, percepção, controle corporal e flexibilidade, e da cultura ocidental, destacando a ênfase relativa à força e ao tônus muscular. Assim, o método Pilates se baseia em fundamentos anatômicos, fisiológicos e cinesiológicos, e é compreendido em seis princípios fundamentais.

Concentração: Durante todo o exercício a atenção é voltada para cada parte do corpo, para que o movimento seja desenvolvido com maior eficiência possível. A atenção dispensada na realização do exercício é destacada ao aprendizado motor, que é o grande objetivo da técnica.

Controle: Define-se como controle do movimento o discernimento da atividade motora. A coordenação é a integração da atividade motora de todo o corpo visando um padrão suave e harmônico de movimento.

Precisão: De fundamental importância na qualidade do movimento, sobretudo, ao realinhamento postural do corpo. Consiste no refinamento do controle e equilíbrio dos diferentes músculos envolvidos em um movimento.

Centramento: a este princípio Pilates chamou de Powerhouse ou centro de força, o ponto focal para o controle corporal. Constitui-se pelas quatros camadas abdominais e do quadril juntamente com os músculos que compõe o períneo. Este centro de força forma uma estrutura de suporte, responsável pela sustentação da coluna e órgãos internos. O fortalecimento desta musculatura proporciona a estabilização do tronco e um alinhamento biomecânico com menor gasto energético aos movimentos.

Respiração: Joseph Pilates afirmava que freqüentemente respiramos errado e usando apenas uma fração da capacidade do pulmão. Por isto, Pilates em seu trabalho enfatizava a respiração como o fator primordial no início do movimento, fornecendo a organização do tronco pelo recrutamento dos músculos estabilizadores profundos da coluna na sustentação pélvica e favorecendo o relaxamento dos músculos inspiratórios e cervicais.

Movimento e Fluidez ou Harmonia: Refere-se ao tipo de movimento, que deve ser de forma controlada e contínua, deve exibir qualidade de fluidez e leveza, que absorvam os impactos do corpo com o solo e que usam da inércia, contribuindo para a manutenção da saúde do corpo.

Dentre os benefícios alcançados por meio do treinamento com o Método Pilates estão:

Melhora da postura, aumento da estabilidade pélvica, melhora do equilíbrio, desenvolvimento da função e eficiência pulmonar, melhor da função cardiovascular, alívio de dores musculares relacionadas, à hipo ou hipermobilidade articular principalmente na coluna vertebral, aumento da consciência corporal, aumento da força muscular e flexibilidade, melhora da circulação sanguínea (periférica) e o desenvolvimento da coordenação motora.

Na Fisioterapia muitos profissionais estão utilizando do método Pilates como um forte auxílio na reabilitação de pacientes nas mais diversas patologias e os resultados são magníficos e gratificantes, trazendo inúmeros benefícios aos pacientes.

Contra indicações e precauções: O Método Pilates possui diversas aplicações e pode ser oferecido para uma grande variedade de pessoas com os mais variados objetivos, entretanto vale dizer que alguns cuidados devem ser tomados no treinamento em determinadas populações, e não vejo contra indicação, vejo que devemos saber da patologia de seus pacientes, das queixas, ou seja, de qualquer diagnóstico instalado, por exemplo, hérnia de disco não é contra indicado mais devemos saber a fundo qual exercício trará benefícios, em gestantes é muito recomendado, pacientes portadores de osteoporose o Pilates ajuda e muito no tratamento, enfim tudo vai de um estudo sobre o paciente e o profissional que irá ser o Instrutor e Terapeuta.

Benefícios ao Idoso:

O Método Pilates é um grande aliado nessa fase da vida, por mais saudável que se viva os idosos vivem com um desgaste progressivo do corpo, o Pilates é uma atividade perfeita para idosos trazendo vários benefícios, até mesmo porque a falta de cuidados e prevenção pode trazer insônia, dores, a pior delas que a dependência de terceiros e patologias como Alzheimer, Parkinson, Derrames cerebrais e cardiovasculares. O organismo perde massa muscular, diminuindo assim o metabolismo e reduz a densidade óssea, tornando assim a pessoa bem mais vulnerável a inúmeras doenças na coluna, outras articulações e no coração.

O Método Pilates nessa fase da vida é ideal, pois combina exercícios com baixo impacto, trabalha os músculos específicos a cada necessidade, a coordenação e o fortalecimento, além da conservação da massa muscular e condicionamento cardiovascular, corrigindo a postura, ativando a circulação e tencionando os músculos, através de exercícios de alongamentos, que estimulam o corpo a obter uma maior flexibilidade, recuperando articulações propensas a artrose e dores generalizadas, trabalha os músculos profundos, incluindo os que controlam o fluxo da urina e impurezas sólidas do corpo, prevenindo a incontinência urinária e fecal, muito freqüente nessa idade.

Os benefícios do Pilates para idosos incluem aumento da densidade óssea, melhoria da flexibilidade nas articulações e postura, aumento da capacidade respiratória e cardiovascular, proporcionando satisfação total aos praticantes que desejam obter melhoria da qualidade de vida. 

(*) O autor é graduado em Fisioterapia pela Universidade Paulista crefito-3/243875-f Especialista em Fisioterapia Geriátrica pela Universidade de São Carlos e Otopedia, atua em um Stúdio de Pilates e Clinica de Fisioterapia "Gianlorenço" ambos situados na rua marechal Deodoro n2109 Comercial Manzano - centro - São Carlos-SP telefone de contato 16 99764-3614/99248-9668 Dúvidas e Sugestões: paulinhok10@hotmail.com - facebook Paulinho Rogério Gianlorenço.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias