Menu
sábado, 06 de março de 2021
S.Carlos no mundo da ciência e da tecnologia

A Fundamental área da Engenharia Biomédica

17 Jan 2021 - 08h02Por Kleber Chicrala
Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica( CEPOF) – Instituto de Física de São Carlos (IFSC) – Universidade de São Paulo (USP), coordenado e com a direção do pesquisador Prof. Dr. Vanderlei Salvador Bagnato - Crédito: divulgaçãoCentro de Pesquisa em Óptica e Fotônica( CEPOF) – Instituto de Física de São Carlos (IFSC) – Universidade de São Paulo (USP), coordenado e com a direção do pesquisador Prof. Dr. Vanderlei Salvador Bagnato - Crédito: divulgação

A engenharia biomédica é vista como a aplicação dos métodos de distintas áreas das ciências exatas e de engenharia no campo das ciências médicas e biológicas, fundamental para a sociedade e para a formação dos alunos de graduação e pós graduação das Universidades e Centros de Pesquisas no Brasil e no mundo. Uma vez que essa área do conhecimento humano traz soluções fundamentais para a manutenção e proteção a vida, a inovação, novas tecnologias e novas linhas de ensino e pesquisa.
 
A Engenharia Biomédica iniciou-se após a segunda guerra mundial, sendo um campo do conhecimento humano que tem história de descobertas científicas de um valor inestimável. Sendo que nos sistemas biológicoscomplexos (Bioengenharia) e nareabilitação de soldados (Engenharia de Reabilitação ) ampliou sua importância, embora seu anglo de ação e possibilidades não se limitaram, onde agregou-se áreas da ciência, a exemplo da biofotônica, e outras áreas da física, da química, da engenharia, dentre outras nesta mesma direção, ou seja, trazer soluções para a Humanidade e para o meio ambiente como um todo.
A necessidade constante de inovação e novas tecnologias, bem como novas linhas de pesquisas, conduziu a área da biomédica a ser desafiada e a desenvolver novos instrumentos para uso no campo da medicina, médico hospitalar, fisioterapia, odontologia, e outras , que são conhecidas como engenharia de sistemas de saúde, de uma forma a integrar as áreas do conhecimento humano, onde o conceito multidisciplinar está fortemente presente.
A física tem atuado ao longo da história como parceria atuante e constante nesta área, onde no Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica( CEPOF) – Instituto de Física de São Carlos (IFSC) – Universidade de São Paulo (USP), coordenado e com a direção do pesquisador Prof. Dr. Vanderlei Salvador Bagnato, tem trabalhado fortemente no desenvolvimento e inovação diversas voltadas para a área biomédica, com uma equipe multidisciplinar de pesquisadores, integrados a outros Centros de Tecnologias e pesquisas no Brasil e no exterior. 
 
De forma interdisciplinar e multiprofissional, a engenharia biomédica, contribui além da área de saúde, mas também para os desenvolvimentos científicos, tecnológico, econômicos e sociais, traduzindo emprego, renda e ajudando a minimizar a diferenças sociais, ampliando a competitividade do País.
Desta forma, as oportunidades de formação e de atuação profissional e desenvolvimento pessoal de diversas vocações e formações, se ampliam. 
 
Encontrando na engenharia biomédica a oportunidade de crescer, podendo aprimorar os seus conhecimentos técnicos-científicos, e assim podendo contribuir para um País a cada dia melhor.
 
kleberchi
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias