Menu
sexta, 28 de fevereiro de 2020
Economia

Visita de cônsul do Egito a São Carlos abre portas para parcerias

30 Out 2019 - 12h58Por Redação
Visita de cônsul do Egito a São Carlos abre portas para parcerias - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

O Ciesp São Carlos recebeu, na tarde desta terça-feira, 29, a visita do Cônsul Comercial da República Árabe do Egito, Mohamed Elkhatib, que fez uma conferência para os industriais sobre o Acordo de Livre Comércio (ALC) Mercosul-Egito. No início do dia, o cônsul também passou pela UFSCar (Universidade Federal de São Carlos) e Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária).

“Essa visita tem algumas finalidades interessantes. Ele veio demonstrar o que é o Egito, quais são as perspectivas, o que o país dele importa, o que exporta e abrir possibilidades de negócios, intercâmbio científico cultural entre o Egito e São Carlos”, explicou o secretário municipal de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Inovação, José Galizia Tundisi.

O ALC Mercosul-Egito foi o primeiro da modalidade celebrado pelo bloco sul-americano com um país do continente africano. Assinado em agosto de 2010, foi aprovado pelo Brasil por meio do Decreto Legislativo nº 216/2015, e entrou em vigência no âmbito internacional no dia 1º de setembro de 2017.

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em 2018 as exportações agropecuárias para 55 países árabes somaram US$ 16,13 bilhões, o que representa 19% do total das vendas externas do agronegócio brasileiro.

O Brasil exporta carne, frango, soja, açúcar e alguns componentes tecnológicos para o Egito que, por sua vez, exporta algodão, frutas e produtos básicos para nosso país. E, no entanto, o Brasil tem um balanço comercial positivo de R$ 2 bilhões de dólares por ano.

Em setembro deste ano, as autoridades egípcias aprovaram o Certificado Sanitário Internacional (CSI) que respalda as exportações brasileiras de leite e produtos lácteos para o Egito. Ainda segundo o ministério, o pedido de aprovação estava pendente desde 2016.

“A visita do cônsul foi muito importante porque pudemos compreender quais são as demandas do Egito e tivemos a oportunidade de mostrar a ele as nossas competências, deixando portas abertas”, afirmou o diretor titular do Ciesp São Carlos, Emerson Chu.

Parcerias

Mohamed Elkhatib demonstrou-se otimista com as possibilidades levantadas após os primeiros contatos. “A cidade tem muitas áreas que nos interessa. E como o Egito está construindo uma nova capital administrativa e novas cidades inteligentes, existem variadas oportunidades para as empresas de tecnologia de São Carlos. Há demanda de trabalho nos sistemas de infraestrutura, serviço, sistema bancário, entre outros”, afirmou.

A futura capital egípcia é uma cidade em construção, planejada para substituir a superpovoada cidade do Cairo, cuja população ultrapassa os 20 milhões de pessoas. A nova capital administrativa está localizada a cerca de 45 quilômetros a leste do Cairo.

Já as cidades inteligentes, também conhecidas como smart cities, são aquelas que utilizam tecnologia para gerar eficiência nas operações urbanas, promovendo o bem-estar dos moradores, o crescimento econômico e melhorando a sustentabilidade.

“Além de conhecer as indústrias da cidade, nós discutimos com o prefeito a possibilidade de assinatura de um acordo de cooperação entre São Carlos e algumas cidades do Egito, com um sistema de cidades irmãs. E com a universidade falamos sobre a possibilidade de intercâmbio entre os alunos para troca de experiência e tecnologia entre Egito e Brasil”, relatou Mohamed.

O país também vai estudar a viabilidade de um acordo de cooperação com a Embrapa, já que tem interesse no desenvolvimento das tecnologias voltadas para agricultura. “No Egito não temos carro flex, por exemplo, porque não temos cana-de-açúcar. Precisamos compreender melhor essas tecnologias para viabilizarmos novos negócios”, disse. 

Lição de casa

Além do diretor titular do Ciesp, também participaram da reunião os outros dois diretores da Regional São Carlos, Marcos Henrique dos Santos e Paulo Giglio, o representante da região no Coscex (Conselho Superior de Comércio Exterior da Fiesp), José Ricardo Nascimento, e o coordenador do grupo de comércio exterior ligado ao Derex (Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior da Fiesp), Guilherme Vieira.

“O interessante dessa visita é que abriu uma oportunidade de mapear o que São Carlos já exporta e o que tem a oferecer. Sabendo agora o que o Egito precisa, visualizando em que nível está a agricultura deles, conseguiremos estabelecer as afinidades. Em princípio vimos possibilidades na área de implementos agrícolas, que é muito rica na nossa região”, analisou Guilherme.

“Há muitas oportunidades junto às empresas associadas ao Ciesp de explorar esse canal que foi aberto. Precisamos aproveitar esse momento e até utilizar o grupo de comércio exterior aqui da regional, coordenado pelo Guilherme, para fazer essa ponte da forma mais eficiente possível para ambos os lados”, finalizou José Ricardo.

NA FEDERAL

Representando o Egito, o Cônsul Mohamed Elkhatib visitou a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) na manhã de terça-feira, 29 de outubro. Para recepcioná-lo, o Vice-Reitor da UFSCar, Walter Libardi, reuniu-se no Anexo da Reitoria junto ao Cônsul, ao Prof. Dr. José Galizia Tundisi, representando o município de São Carlos, e à Secretária-Geral de Relações Internacionais da UFSCar, Estela Canevarolo.

A Secretária de Relacões Internacionais da UFSCar apresentou ao Cônsul pesquisas da Universidade, seus campi e áreas de atuação. O Cônsul apresentou o interesse do Egito de estabelecer parcerias e redes de colaboração com a UFSCar. As tratativas estão sendo encaminhadas pela Universidade junto à Embaixada da República Árabe do Egito.

Na foto: Dina Dargham (Assistente na Embaixada da República Árabe do Egito); Mohamed Elkhatib (Cônsul do Egito); Estela Canevarolo (Secretária-Geral de Relações Internacionais da UFSCar); José Galizia Tundisi (representando o município de São Carlos); Walter Libardi (Vice-Reitor da UFSCar).

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias