Menu
sábado, 31 de outubro de 2020
Cidade

Universitários defendem a realização da TUSCA na Câmara Municipal

20 Out 2009 - 19h52Por Redação São Carlos Agora
A Câmara Municipal recebeu no expediente da “tribuna livre” da sessão desta terça-feira (20) o presidente da Atética CAASO, da USP São Carlos, Rodrigo Stefani, que falando em nome da comissão organizadora da Tusca (Taça Universitária de São Carlos), expôs aos vereadores a importância do evento para a comunidade.

Stefani enumerou as universidades convidadas para participar e o número de modalidades que envolvem a Tusca, ressaltando que as atléticas da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de São Carlos empregam 20 pessoas o ano todo, técnicos que treinam atletas que participam de competições universitárias e representam a cidade nos jogos regionais e abertos.

A respeito do “corso”, a passeata que abre a competição, observou que as pessoas que idealizaram o evento não imaginavam que fosse chegar à magnitude de hoje, quando reúne cerca de 30 mil pessoas, no maior evento universitário do país.

Comentou que os organizadores da Tusca se preocuparam com o corso com grande antecedência de quatro meses, quando participaram de reuniões com os órgãos competentes da Prefeitura. Stefani sublinhou que houve um estreitamento da relação com as autoridades do município, essencial para o sucesso do evento, que conta com apoio das secretarias municipais de governo, habitação e desenvolvimento, esporte e lazer, saúde, comunicação e planejamento. Também citou a presença da Polícia Militar, Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Samu e apoio dos campus da USP e UFSCar.

Segundo o organizador, os atendimentos médicos realizados durante o evento somaram 280, o que num universo de 30 mil participantes representa “menos de 1%” com sintomas de excesso de bebidas alcoólicas. “Dizer que mais da metade dos participantes estavam alcoolizados é um completo absurdo”, disse.

Stefani declarou que “filhos e filhas das famílias de São Carlos merecem ser tratados com dignidade e respeito e não confundidos com uma minoria que suja a imagem de um evento bonito que acontece nas ruas da cidade”. “De certa forma o evento foi bem aceito pela população por onde passou”, acrescentou.

Observou que nesta 30ª. Edição, as competições esportivas foram realizadas na USP, UFSCar e também no Ginásio de Esportes Milton Olaio Filho, abertos à comunidade e com toda a infra-estrutura.

“O Tusca traz para São Carlos aproximadamente 50 mil pessoas”, informou, ressaltando que cada visitante gasta em média R$ 100 reais entre hospedagem, alimentação, bebida e gastos extras, o que gera um montante de R$ 4,9 milhões para a cidade num único final de semana.

De acordo com o organizador, para as atléticas, a receita advinda do Tusca é responsável por 90% do orçamento para custeio de uniformes esportivos, remuneração de técnicos e encargos com inscrição e subsídios de atletas que competem em outras cidades. São mantidas 29 equipes e 10 funcionários graças ao resultado financeiro do torneio universitário.

FREIRE QUER CORSO FORA DA CIDADE - Na sessão desta terça-feira, o vereador Equimarcílias Freire (DEM) disse contar com 6 mil assinaturas de moradores que apóiam sua proposta para que o corso” seja realizado fora do perímetro urbano. “A festa deve existir, mas ter limites”, disse. Informou que moradores do Jardim Jockey Clube reuniram fotos e apresentaram representação ao Ministério Público, contra o corso, em 2008. “Infelizmente oportunistas se infiltram no movimento”, afirmou Freire, reiterando seu posicionamento perante os estudantes que compareceram à sessão: “O corso pode acontecer, desde que não seja na frente das famílias e nas ruas de nossa cidade”.

LINEU APÓIA OFICIALIZAÇÃO DO EVENTO - O presidente da Câmara Municipal, vereador Lineu Navarro (PT) reafirmou seu apoio à Tusca que considerou um evento “ordeiro, pacífico e coerente com os valores da juventude brasileira”, organizado por universitários de duas importantes universidades públicas (USP e UFSCar) há trinta anos.

Lineu disse que aqueles que se arvoram em atacar o evento demonstram desconhecimento total do que ocorre na Tusca, as competições que são realizadas e os entendimentos com o poder público para sua realização nos últimos seis anos.Lineu enalteceu a organização do evento e reafirmou seu empenho para oficializar a Tusca no calendário oficial de eventos do município de São Carlos.

Câmara Municipal
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias