Menu
terça, 11 de maio de 2021
Cidade

São Carlos: Prefeitura pretende investir mais 12 milhões no recapeamaento de vias

Mais uma etapa do recape teve início em 2021

01 Mai 2021 - 12h11Por Via assessoria
Prefeito Airton Garcia acompanha obra de recape - Crédito: divulgaçãoPrefeito Airton Garcia acompanha obra de recape - Crédito: divulgação

A Prefeitura de São Carlos iniciou nesta sexta-feira (30/04) mais uma etapa do programa de recapeamento em 2021, serviço que teve início em 2017 na primeira gestão do prefeito Airton Garcia e que já recuperou mais 3.700 quarteirões em mais de 27 bairros, o que corresponde a cerca de 280 quilômetros de asfalto novo.

A etapa realizada nesta semana foi na região do Parque Faber, um investimento de R$ 500 mil com recursos próprios. “Essas ruas não foram incluídas na programação do final do ano passado já que antes o SAAE precisava fazer uma obra na região, por isso retomamos agora”, explicou Mariel Olmo, secretário de Serviços Públicos.

Olmo disse, ainda, que outro processo no valor de R$ 2,1 milhões já está em tramitação para realização do serviço de recape em outras regiões da cidade. “Assim que os convênios estiverem assinados, vamos divulgar os locais até para a população se programar”.

O prefeito Airton Garcia reafirma a sua determinação de recuperar 100% das ruas da cidade. “Sempre falei que no meu mandato o recape continuaria até o último dia, agora esse prazo foi estendido até dezembro de 2024. Começamos uma nova corrida para que o serviço atenda todas as regiões da cidade. Já avançamos muito, mas não vamos parar”.

Airton Garcia se refere a outros R$ 12 milhões que devem ser investidos para que o serviço chegue as regiões que ainda não foram beneficiadas com o serviço de recapeamento. 

“Estamos finalizando um novo projeto no valor de R$ 12 milhões para estender o programa de recapeamento de São Carlos. Estamos buscando recursos externos”, confirma o secretário de Serviços Públicos, Mariel Olmo.

De acordo com o vice-prefeito, Edson Ferraz, as ruas estão sendo escolhidas por critério do estado de deterioração e problemas estruturais. “A orientação do prefeito Airton Garcia é para que o maior número de vias receba o serviço, portanto vamos continuar com as equipes nas ruas para que todas as regiões recebam as melhorias”. 

2021 – Esse ano o programa teve início em 13 de janeiro pelo Jardim Alvorada. Na primeira etapa de 2021 foram recuperadas 46 ruas e 1 rotária, totalizando uma área de 80.813 m² de vias. Entre os bairros que já receberam o programa de recape estão: Jardim Alvorada, Astolpho Luís do Prado, Timburis, Maracanã, Douradinho, Vila Derigge e Vila Marina. O investimento foi de R$ 2,3 milhões, por meio de uma emenda parlamentar do deputado federal Orlando Silva (PCdoB).

4 ANOS DE RECAPE -  2017/2020 - Marca do governo Airton Garcia, o programa de recape começou no ano de 2017 no entorno do Parque do Bicão, com um investimento de R$ 465.373,54 por meio de recursos do Governo Federal. Com recursos do próprio município no valor de R$ 2,5 milhões o serviço seguiu para o bairro Cidade Aracy, onde foram recuperados 100 quarteirões na primeira fase. Já numa segunda etapa, foram recapeados mais 24 metros quadrados de vias no bairro, com um investimento de R$ 684.540,14 por meio de emenda parlamentar.

Em 2018, com investimento de R$ 4 milhões, conquistados a fundo perdido junto ao Governo do Estado, a Prefeitura recuperou mais de 40 quarteirões de vias públicas nos bairros Santa Felícia e Vila Elisabeth. O distrito de Santa Eudóxia também recebeu o serviço com 4.680 metros quadrados de vias do Jardim Itararé, com um investimento de R$ 152.028,96, provenientes de emenda parlamentar. Os bairros São João Baptista, Vila Costa do Sol, Jardim Lutfalla, Lagoa Serena e algumas vias da região central também receberam o serviço, com um investimento de R$ 4.096.860,89.

Ainda com recursos próprios, a recuperação de ruas continuou com um investimento de R$ 4.240.469,52, que também atendeu as vias da Vila São José, Castelo Branco e da região central, como as ruas 7 de Setembro, 9 de Julho, Visconde de Inhaúma, Cezar Ricome, Achile Bassi, Carlos de Camargo Salles, Salomão Dibbo, Luiz de Toledo Pizza e Adolfo Cattanni.

Em 2019 o município conseguiu firmar um convênio com a Caixa Econômica Federal, por meio do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento - FINISA, para recuperar 956 quarteirões, com um investimento de R$ 20 milhões. Nesta etapa foram atendidos os seguintes locais da cidade: avenidas Miguel Petroni e João de Guzzi (inteiras), partes do bairro Arnon de Mello, parte do Santa Felícia, Jardim Tortorelli inteiro, Planalto Paraíso; Jardim Paulistano, Jardim Centenário e Nova Estância. Algumas ruas do Jardim Nova Santa Paula. Parte da avenida Trabalhador São-carlense; Avenidas Antônio Blanco e José de Alencar e rua Dr. Eugênio de Andrade Egas; Jardim das Torres, Jardim Botafogo, algumas ruas da Vila Pelicano e Jardim Medeiros, rotatória do Shopping, rotatória do Cristo, avenida Tancredo Neves até a entrada do bairro Botafogo, algumas ruas do Boa Vista, Medeiros e região do SENAI; bairros Jardim Pacaembu, Vila Isabel e Parque Primavera. Algumas ruas e as principais avenidas do Jardim Tangará. Além das principais avenidas do Jardim Cruzeiro do Sul.

Já com recursos de R$ 30 milhões liberados pelo Banco do Brasil, a Prefeitura de São Carlos conseguiu concentrar os trabalhos de recape em novas região da cidade e finalizou o trabalho em outras começando pela Vila Carmem, Boas Vista (1 e 2), Recreio dos Bandeirantes, Jardim Paulista, Jardim Bandeirantes, Acapulco, São Carlos III, Ipanema, Santa Mônica, Jardim Brasil, Vila Monteiro, Jardim Ricetti, Portal do Sol, Cardinalli, Vila Nery, Centro (trechos da ruas XV de Novembro, Carlos Botelho e Rui Barbosa), Samambaia, Vila Marina, Jacobucci, Vila São José, Munique, Itamarati, Maria Stella Fagá e trechos da avenida Trabalhador São-carlense, próximo à USP e terminal rodoviário, entre outros.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias