Menu
quarta, 27 de outubro de 2021
Talento da Terra

São-carlense de 12 anos irá estrelar o filme “O Enigma da Escola”

12 Ago 2019 - 07h50Por Marcos Escrivani
São-carlense de 12 anos irá estrelar o filme “O Enigma da Escola” - Crédito: Marcos Escrivani Crédito: Marcos Escrivani

Na ficção uma garota chata, que gosta de intrigas, que tem notas ruins e que apronta muito em uma escola. Mas na vida real, o oposto: sorridente, simpática, educada. Gosta de amizades, cultua o bom relacionamento e uma aluna exemplar.

Assim começa o estrelato de Maria Eduarda Bolonheze, 12 anos. Ou apenas Madu, nome artístico adotado pela jovem são-carlense que irá participar de 14 a 18 deste mês do média-metragem “O Enigma da Escola”, que versa sobre o sumiço de uma professora e será dirigido por Alexandre Henry. No filme estão os atores Randerson Santos, Núbia Coelho, Fran Velho e Giselle Tucunduva.

“O Enigma da Escola” será rodado em Uberlândia/MG e possui no total 25 atores/atrizes, dos quais, 20 adolescentes. “As cenas serão em uma escola”, disse Madu. “A ficção terá uma hora de duração e no restante deste ano será exibido em festivais e em 2020 nos cinemas”, comentou.

Com exclusividade, Madu recebeu a reportagem do São Carlos Agora no final de semana para uma entrevista bem descontraída. Aluna do 7º ano do Ensino Fundamental na Escola Estadual “Dr. Álvaro Guião”, é corintiana. É a caçula do casal Rita Silvana Silva (contadora) e João Domingos Bolonheze (comerciante). Luana, 26 anos e Giovana, 19 anos, são suas irmãs.

Abaixo, a entrevista com tímida atriz são-carlense. Mas desinibida nas filmagens e alegre nas respostas.

A OPORTUNIDADE

Pertenço a uma agência de modelos e várias mães que tinham filhos participarão do filme entraram em contato com a minha mãe para conversar com o diretor (Alexandre). Foi feito isso e encaminhamos um vídeo meu, onde me apresentei. Ele gostou da personagem a partir das imagens e ganhei esta oportunidade.

COMO SERÁ PERSONAGEM

Pensa em uma aluna chata... Que gosta de aprontar. Faz intrigas e picuinhas. Que tira notas ruins...

NA VIDA REAL?

Nada a ver... Estudo bastante, tiro notas boas, gosto de fazer amizades. Ah... E não sou malvada não (risos).

E COMO ENCARNOU A ALUNA CHATA?

Sinceramente eu gostei do papel. Em casa às vezes fico nervosa, brava. Assim posso descarregar tudo isso no filme (risos).

SEGUNDO FILME

Este é meu segundo média metragem. Mas sou tímida. Acho fundamental participar de filmes, ver como funciona e perder essa timidez. Trabalhei com atrizes formadas e a experiência será grande e acrescentará muito em meu currículo. Verei como funciona as gravações e sei que sou um pouco inibida. Mas com certeza irei me soltar mais.

FOCO NO FUTURO

Não pretendo parar de estudar e quero ser uma advogada (Direito). Mas paralelamente farei cursos para ser uma atriz. Gosto de teatro. Enfim, pretendo fazer uma universidade de Artes Cênicas, mas irei investir nos estudos, pois quero ser uma profissional liberal também.

E NA ÁLVARO GUIÃO?

Sou uma aluna normal. Tipo “nerd” (risos). Sento na frente, perto do professor/a. Tenho minhas amizades, mas não sou muito popular não (mais risos). Não nego que as vezes converso um pouco a mais, mas não sou de fazer bagunça.

E A ORIGEM?

Se no futuro, através do meu esforço e do meu talento, chegar ao sucesso, não vou deixar a fama subir a cabeça não. Meus pais me deram uma base excelente. Me ensinaram a ser simples, valorizar as amizades sinceras, ter opinião, ser forte. Não deixar minhas raízes e minha origem em segundo plano. A fama é ilusória, passageira. Família, amigos, são eternos...

DEVO MEUS AGRADECIMENTOS

Graças a Deus ganhei uma excelente oportunidade. Por isso não posso esquecer, jamais, quem me ajudou nesses primeiros passos. Agradeço de coração ao Bar América, ao Miguel Materiais para Construção e ao Caio Pagani. São parceiros que me ajudaram nas despesas para a viagem, estadia e alimentação. Meu eterno carinho e gratidão e muito obrigada por esse apoio tão importante.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias