Menu
domingo, 13 de junho de 2021
Cidade

Roselei consegue agendar mutirão da dengue no Distrito de Santa Eudóxia

30 Mar 2015 - 17h01
0 - 0 -

O vereador Roselei Françoso (PT) conversou nesta segunda-feira (30) com representantes da Secretaria Municipal de Saúde para solicitar urgência no agendamento de um mutirão de combate à dengue no Distrito de Santa Eudóxia. Participaram das tratativas Márcia Paloni, chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica de São Carlos; Luciana Caldeira, chefe de Gabinete da Secretaria Municipal de Saúde e Marcelo Capuccino, superintendente da Secretaria de Serviços Públicos.

Dessa forma, ficou agendado para a próxima segunda-feira (06), o deslocamento de parte da equipe, pela Secretaria de Saúde, de agentes de controle de endemias e vetores em Santa Eudóxia, para assim, realizar mutirão de limpeza e combate contra a dengue no Distrito. O parlamentar destinará emenda para contribuir com a contratação de um ônibus para levar a equipe, e os Serviços Públicos, irão deslocar equipamentos, caminhões, máquinas e aproximadamente vinte funcionários para o local. 

São Carlos vem enfrentando inúmeros casos de dengue. Já foram registrados mais de mil. No Distrito de Santa Eudóxia, a situação é ainda mais grave. De 2.800 pessoas cadastradas no Programa de Saúde da Família houve mais de 400 notificações de dengue, correspondendo a 15% da população inscrita no programa.

Segundo Roselei, o Distrito de Santa Eudóxia tem características para acumular água, pois possui um córrego de água limpa que atravessa a região. Também, a antiga estação de tratamento de água do local está abandonada, com caixas d’água, sem uso, abertas, acumulando água e favorecendo a criação do mosquito transmissor. 

O vereador havia protocolado na manhã desta segunda (30), na Câmara Municipal, requerimento solicitando o mutirão de limpeza no Distrito e logo fora respondido pelo Executivo. “A imprensa vem denunciando há muito tempo os problemas enfrentados pela população em Santa Eudóxia. Desde a semana passada, o nosso mandato vem tentando dialogar com os responsáveis na perspectiva de atender as reivindicações apresentadas pelos moradores do Distrito. Após a conversa com os representantes da prefeitura, mesmo com as dificuldades operacionais da administração e número reduzido de servidores e equipamentos, eles perceberam a gravidade enfrentada pelos moradores e se prontificaram a atender o nosso pedido, a exemplo do que já fizeram há um mês no Distrito de Água Vermelha”. 

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias