Menu
sábado, 26 de setembro de 2020
Agropecuária

Publicação da Embrapa São Carlos mapeia 357 trabalhos sobre Canchim nos últimos dez anos

07 Ago 2018 - 16h14Por Redação
Gado Canchim tem sido objeto de estudo de diversas equipes - Crédito: Ana MaioGado Canchim tem sido objeto de estudo de diversas equipes - Crédito: Ana Maio

Acaba de ser disponibilizada no portal da Embrapa Pecuária Sudeste (São Carlos) uma publicação que compila trabalhos científicos e textos sobre a raça Canchim apresentados em congressos nos últimos dez anos, de 2008 a 2018. São 357 publicações organizadas por temas como ciência dos alimentos e engenharia de materiais, comportamento animal, genética e melhoramento, produção e nutrição, reprodução e sanidade.

Uma das editoras técnicas do trabalho, Milena Ambrosio Telles, disse que o levantamento foi feito desde o início deste ano na BDPA (Base de Dados da Pesquisa Agropecuária) e na Scielo. Além dessa compilação, os Anais da V Convenção Nacional da Raça Canchim trazem as palestras feitas durante o evento, em março deste ano.

A publicação traz ainda estudos recentes feitos por pesquisadores da Embrapa Pecuária Sudeste, e relatos de um técnico agrícola, outro de um veterinário do centro tecnológico da cooperativa Comigo (Goiás) e outros de dois pecuaristas que falam de suas experiências e conhecimento sobre a raça.

A pesquisadora Cíntia Marcondes, também editora técnica da publicação, disse que o período de 2008 a 2018 foi definido porque já há compilações anteriores de trabalhos sobre a raça Canchim. Além de um trabalho impresso publicado em 1977, há duas coletâneas digitalizadas de estudos publicados entre 1977 a 1986 e entre 1987 a 2000.

“Compilações são sempre importantes, pois mostram os grupos de pesquisa no país envolvidos com a raça, os temas de pesquisa já abordados, indicam lacunas que podem ser exploradas e auxiliam que temas já exaustivamente abordados nas pesquisas não sejam repetidos em novos estudos”, explicou a pesquisadora. Ela diz que esse tipo de publicação também reúne em um único espaço os resumos dos estudos (como no caso das compilações até o ano 2000) e indica publicações de livre acesso ao público técnico e aos criadores, como é o caso dos Anais de 2018.

Cíntia conta que o número de estudos envolvendo o Canchim é sempre supreendente. “Vale lembrar que nos Anais da V Convenção foram disponibilizados somente os trabalhos com acesso livre. Muitas publicações no exterior, de revistas indexadas sem ser do tipo "open" ficaram de fora da lista. Então o número de trabalhos é ainda maior!”

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias