Menu
sexta, 05 de março de 2021
Cidade

Projeto de Lei institui a "Semana Ronald Golias" em São Carlos

Ronald Golias, nascido em São Carlos, foi um dos grandes humoristas da TV brasileira.

25 Jul 2012 - 11h00
Projeto de Leis foi apresentado pelo vereador Ditinho Matheus. (Foto: Tiago da Mata / SCA) - Projeto de Leis foi apresentado pelo vereador Ditinho Matheus. (Foto: Tiago da Mata / SCA) -

Um projeto de Lei apresentado pelo vereador Ditinho Matheus (PMDB) foi aprovado na sessão de ontem (24) na Câmara, por unanimidade entre os vereadores presentes, que institui em São Carlos a "Semana Ronald Golias".

Instituída, a Semana Ronald Golias será realizada anualmente na primeira semana de maio, mês de nascimento do humorista, e tem por objetivo preservar a imagem de um dos pioneiros do humor da TV brasileira.

A semana contará com eventos destinados a divulgação dos trabalhos do humorista, os filmes e programas de Tv que Ronald participou durante os seus 50 anos de carreira artística.

Justificativa e Biografia

O vereador Ditinho Matheus, justificou seu projeto de Lei, apresentando um pouco da história e da biografia de Ronald Golias, conhecido por muitos como Zinho.


Ronald nasceu em São Carlos, no dia 4 de maio de 1929. Segundo amigos, desde pequeno ele sempre foi muito arteiro e gostava de fazer brincadeiras com os amigos. Sua primeira atuação foi aos 8 anos, na escola, onde participou de um teatro, como um divertido diabinho.

Sua família se mudou para São Paulo, quando Ronald tinha 9 anos, e lá seu pai conseguiu  com muito esforço, que ele frequentasse o Clube de Regatas Tietê. No clube ele se apresentava saltando, e em  todas as apresentação fazia diversas graças, caretas e animava o público. Ao fim das exibições era cercado por pessoas que queriam autógrafos.

"Pacífico", um dos personagens de Ronald Golias

Em 1954 Golias entra na Rádio Cultura, onde era uma espécie de faz-tudo. Foi na rádio que ele criou seu primeiro personagem, o Pacífico, e pouco tempo depois ganhou o prêmio Roquete Pinto, como melhor comediante do país.

Ronald também atuou várias vezes como ator dramático também. Nos anos 50, no tetro de dia das mães, ele atuou em um papel sério, fazendo muitas pessoas se emocionarem.

O humorista passou, durante sua carreira, pela TV Paulista, onde em 1957 estreou o programa "A Praça da Alegria, que tempos depois passa a ser transmitido também pela TV Rio.

Devido ao seus sucesso, Ronald foi convidado por Herbert Richers para participar do filme "Tudo Legal", onde foi protagonista juntamente com Jô Soares.

Em 1963 Ronald é contratado pela Record, juntamente com outros humoristas e dão continuidade ao Praça da Alegria. Logo depois Ronald faz o programa "Família Trapo", que é considerado como o auge de sua carreia e em 1971 ele estreia o seriado "Bronco Total".

Em 1974 ele deixa a Record e começa a trabalhar com Silvio Santos, porém em 1977 a Globo recriou a "Praça da Alegria" e levou o humorista para a emissora, porém tempos depois a emissora passa a transmitir o seriado "Super-Bronco" e Ronald é demitido.

Em 1986 ele aceitou um convite para trabalhar na Band e em 1990, já "desgastado" na emissora, voltou a trabalhar na SBT, onde ficou até a sua morte.

Em abril de 2004, o humorista fez uma cirurgia para a implantação de um marcapasso. Um mês depois foi internado com um coagulo no cérebro e sua saúde começou a piorar. No dia 8 de setembro de 2005, ele é internado no Hospital São Luiz, em São Paulo, com quadros de infecção pulmonar. No final do mês, no dia 27, ele faleceu, em decorrência de uma infecção generalizada. Ele foi sepultado em São Paulo, no Cemitério do Morumbi.

Homenagem

Após sua morte, o humorista recebeu diversas homenagens, principalmente me São Carlos, sua cidade natal.

Em setembro de 2007, foi inaugurada em São Carlos, no Cidade Aracy, a praça Ronald Golias, em homenagem ao humorista. A cidade também ganhará em breve, o Museu Ronald Golias, na rua Germiniano Costa, 401 (casa onde o humorista residiu).

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias