Menu
quarta, 28 de julho de 2021
Cidade

Primeira-dama de São Carlos participa de reunião do Fundo Social de Solidariedade de São Paulo

29 Ago 2011 - 11h35
0 - 0 -

A primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Cidinha Duarte, participou na última quinta-feira (25) de uma reunião promovida pelo Fussesp (Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo). O evento foi realizado em Araraquara e contou com presença de primeiras-damas e presidentes do Fundo Social de Solidariedade de cidades da região central do Estado. Ao todo cerca de 60 pessoas prestigiaram a reunião, ministrada pelas técnicas do interior, Zeila Nogueira e Lúcia Casagrande, que estiveram representando a primeira-dama do Estado, Lu Alckmin.

De acordo com Cidinha Duarte, as reuniões são muito importantes para fortalecer o Fundo Social de cada cidade, já que o momento permite a troca de experiências e a discussão entre representantes de cada município.

Esteve presente na abertura do evento, o prefeito de Araraquara, Marcelo Barbieri, acompanhado da primeira-dama e presidente do Fundo Social da cidade, Zi Barbieri.

O prefeito de Araraquara destacou a importância do Fundo Social de Solidariedade para a administração pública de um município, sendo este um dispositivo que viabiliza projetos para trazer melhorias na vida das pessoas. Já a primeira-dama de Araraquara destacou os projetos implantados na cidade, como o Espaço Kaparaó, um centro de treinamento e capacitação profissional que oferece cursos profissionalizantes. 

Após o pronunciamento do prefeito e da primeira-dama, algumas cidades do interior (região central) apresentaram seus principais projetos sociais, como o município de Porto Ferreira, Araraquara e Borborema.

A técnica do interior, Zeila Nogueira apresentou, em seguida, como se dá a administração do Fussesp, em São Paulo. De acordo com a técnica, o objetivo das reuniões que estão sendo promovidas junto às primeiras-damas e presidentes de fundo social é estreitar a relação entre o governo do Estado e os municípios do interior. Além disso, conseguir atingir essas cidades com os projetos que vem sendo elaborados pelo Fussesp, como a Padaria Artesanal e, principalmente, a Escola de Moda, que disponibiliza kits de costura e metodologia diferenciada para que pessoas que já tenham conhecimento na área possam aprender mais, capacitando outros profissionais, posteriormente. Cada município que adquire e implanta o projeto deverá criar um polo de atuação naquele local, capacitando pessoas de outros municípios.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias