Menu
terça, 28 de setembro de 2021
Cidade

Prefeito Barba recebe 2 prêmios de Tecnologia da Informação

22 Fev 2011 - 17h12

A Prefeitura de São Carlos recebeu dois prêmios de Tecnologia da Informação (TI) & Governo, concedidos pela Plano Editorial – empresa da área de tecnologia da informação responsável por diversas publicações no setor. O prefeito Oswaldo Barba esteve em São Paulo na manhã desta terça-feira (22) para receber a premiação. Ele estava acompanhado do secretário de Planejamento e Gestão, Rosoé Donato, e do diretor de Tecnologia e Informação, Carlos Costa Jordão.

A premiação é anual e contempla 20 projetos em todo o país entre empresas e órgãos públicos. Os premiados têm o projeto publicado em um anuário. A comissão julgadora foi formada por especialistas da área, entre eles estão representantes do Ministério do Planejamento, da Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho” (UNESP), da Orion Consultores, da Unicomm, Pólo Consultores e  Business School São Paulo.

Dos 20 prêmios, São Carlos recebeu dois. Um deles reconhece o esforço da Prefeitura de São Carlos em criar e oferecer o Governo Eletrônico, que disponibiliza, online, serviços à sociedade. O outro prêmio é pela implantação da Rede Sanca, que visa construir uma rede de alta velocidade de transmissão de dados (1Gbps) interligando diversos equipamentos públicos municipais. A comissão julgadora avaliou o caráter inovador desses projetos, a relevância social e o envolvimento de recursos humanos.
“Receber dois prêmios de uma empresa influente no setor da tecnologia da informação é muito gratificante”, destacou o prefeito Oswaldo Barba. “Isso demonstra o empenho da nossa administração e a importância de darmos sequência a esses projetos”, ressaltou. Para o prefeito, a utilização da tecnologia da informação e da internet são fundamentais para que os municípios possam, cada vez mais, tornarem a gestão transparente e democrática. “Felizmente São Carlos saiu na frente e já somos referência”.

E-Gov
O Governo Eletrônico é um conceito relativamente moderno que visa, através de infraestrutura e novas tecnologias, dar suporte às diversas áreas da Administração Pública com base em quatro vertentes: Empresas, Cidadãos, Servidores Públicos e Outros Agentes Governamentais.

São Carlos iniciou essa implantação em 2001, quando a Prefeitura tinha cerca de 300 computadores. Atualmente são mais de 1.500. Em 2005, São Carlos foi a primeira cidade a lançar o Portal da Transparência com atualizações diárias, além da publicação de notícias, editais de concursos e licitações com conteúdo integral. O Diário Oficial Online foi criado em 2009 e de lá para cá o Portal da Prefeitura já ultrapassou os 2 milhões de acessos.

Ao cidadão, empresas e à Prefeitura é possível utilizar online os seguintes serviços: cadastro geral, configurações, protocolo, contabilidade, orçamento, empenho, arrecadação, cadastro técnico municipal, contribuição de melhoria, ISSQN, dívida ativa, receitas diversas, fiscalização, controle de materiais, licitações, patrimônio, gerador de relatórios, cadastro de índices econômicos, recursos humanos.

O Governo Eletrônico também englobou, desde 2009, a Educação, ao integrar tecnologias às praticas de ensino e aprendizagem. O município tem acesso à internet em todas as 52 unidades escolares, salas de tecnologias equipadas com lousas digitais, salas itinerantes compostas cada uma com 30 notebooks utilizados nas aulas. O Sistema Integrado de Educação (Sieduc@r), lançado em 2009, é uma ferramenta que facilita a gestão das escolas e dos 15 mil alunos da rede e oferece serviços, online, como Boletim Eletrônico e Desempenho Escolar e Lista de Espera Online.

RedeSanca – Com a implantação da RedeSanca, que já está em andamento, será possível interligar universidades, centros de pesquisas, parques tecnológicos, equipamentos de saúde municipal como Hospital-Escola, Samu e Ceme, unidades escolares, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros na transmissão de conteúdo por meio da construção de um grande anel em fibra óptica de alta velocidade de transmissão de dados. Essa rede terá 36 km e investimentos aproximados de R$ 780 mil com recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia.

A RedeSanca começou a ser conquistada em 2007 e graças aos esforços da Prefeitura e UFSCar a cidade foi contemplada, uma vez que a previsão inicial era somente implantá-las nas capitais.

Dentre os outros benefícios possíveis pela RedeSanca estão ensino à distância, saúde da família com o acompanhamento familiar via rede, telemedicina (robótica, fabricação e uso de equipamentos de alta tecnologia como tomógrafos, transmissão de imagens de alta resolução, ambientes virtuais colaborativos, sistemas imersivos de realidade virtual, diagnóstico remoto) e simulações distribuídas (computação em grade, realidade virtual distribuída), entre outros benefícios.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias