Menu
segunda, 08 de março de 2021
Cidade

Plano de retorno às aulas na rede municipal prevê três propostas: remota, semipresencial e presencial

15 Jan 2021 - 17h56Por Da Assessoria de Imprensa
Edson Ferraz e a secretária de educação, Wanda Hoffmann - Crédito: divulgaçãoEdson Ferraz e a secretária de educação, Wanda Hoffmann - Crédito: divulgação

O vice-prefeito Edson Ferraz esteve reunido na manhã desta sexta-feira (15/01), com a secretária de Educação, Wanda Hoffmann, quando foi apresentado uma prévia do plano de retorno às aulas na rede municipal de ensino. A Prefeitura trabalha com três propostas: remota, semipresencial (ensino híbrido) e presencial. 

O plano prevê programações diferentes para cada fase da educação infantil, já o ensino fundamental (I e II), contará com um planejamento de retorno às aulas baseado no plano do estado, porém em datas diferentes, mas seguindo todos os estudos, cenários e protocolos de segurança impostos contra a COVID-19. “Queremos que as crianças tenham todo o apoio, e que a gente consiga desenvolver um cenário seguro para elas e também para os professores e todos que trabalham na educação”, enfatizou Wanda Hoffmann.

O plano municipal será implementado por etapas. “Vamos iniciar com as fases que podem, com a porcentagem presencial permitida, depois, vamos seguindo para o chamado ensino híbrido, até que realmente tenhamos a vacina e um maior controle da pandemia para voltarmos ao normal”, acrescentou a secretária de Educação.

O próximo passo será a discussão do que já foi planejado com os diretores das escolas municipais, que no momento estão de férias. “Reuniões serão marcadas para passar todo o conteúdo do planejamento e discutir novas ideias para que o processo educacional no município retorne da melhor forma possível”, garante Wanda Hoffmann.

Durante o encontro, o vice-prefeito Edson Ferraz, também lembrou que o retorno às aulas diante ao cenário da COVID-19, não depende só da Secretaria Municipal de Educação, e sim de outros esforços que evolvem as demais pastas, em que cada uma, tem a sua responsabilidade com um trabalho integrado. 
“Os trabalhos para volta as aulas já se iniciaram, tivemos em São Paulo para as orientações junto ao Governo do Estado, claro que nossa realidade é diferente, a maioria dos nossos alunos estão entre 0 e 6 anos, tenho certeza que vamos chegar ao melhor formato, cumprindo todos os protocolos necessários respeitando a vida de cada um. Uma criança perde muito quando deixa de frequentar a escola, porém é preciso cuidados”, concluiu Edson Ferraz, que na reunião representou o prefeito Airton Garcia.

A rede municipal de ensino conta com 60 unidades escolares, sendo 10 EMEBs (Escolas Municipais de Educação Básica), 49 CEMEIs (Centros Municipais de Educação Infantil) e 01 EMEJA (Escola Municipal de Educação de Jovens e Adultos). Em 2020 foram matriculados mais de 19 mil alunos. Mais de 10 mil crianças de 0 a 6 só na educação infantil.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias