Menu
sábado, 06 de março de 2021
Cidade

Ministro da Saúde visita São Carlos e anuncia novas verbas para a área da Saúde

Obras do Hospital Escola foram retomadas e devem ser concluídas em cinco meses.

28 Set 2012 - 16h15
Alexandre Padilha, ministro da Saúde, durante visita ao Hospital Escola. (Fotos: Tiago da Mata / SCA) - Alexandre Padilha, ministro da Saúde, durante visita ao Hospital Escola. (Fotos: Tiago da Mata / SCA) -

Na manhã desta sexta-feira (28), o ministro da Saúde, Alexandre Padilha esteve em São Carlos para visitar a asobras do Hospital Escola que foram retomadas recentemente e anunciar novos investimentos que serão destinados à área da Saúde.

Padilha iniciou sua visita no Hospital Escola por volta das 9h, onde andou por diversas alas junto com o secretário de Saúde de São Carlos, Marcus Vinicius Franzin Bizarro, o deputado federal Newton Lima, e outras autoridades O ministro visitou também as obras do segundo módulo, que após nova licitação, foram retomadas.

Logo depois Alexandre Padilha foi até a Santa Casa, onde visitou o Centro de Terapia Intensiva (CTI), o Centro Cirúrgico, entre outras alas. Após a visita o ministrou concedeu uma entrevista coletiva à imprensa, onde falou sobre as novas verbas que São Carlos irá receber para a área da Saúde e sobre as obras do HE.

Hospital Escola, Santa Casa e investimentos

Segundo o ministro, os recursos para o término das obras do HE já estão garantidos, o convênio já existe e as alterações que foram feitas no projeto já foram aprovadas pelo Ministério da Saúde e deverá ser concluída em um prazo de cinco meses. "A Prefeitura conseguiu fazer uma nova licitação, a empresa anterior tinha falido, e estabelecemos junto com essa nova empresa um prazo de cinco meses para a conclusão das obras", afirmou Padilha.

http://media.saocarlosagora.com.br/uploads/visitaministrosaude0000.jpgQuestionado sobre a real utilização do HE em relação à Santa Casa, Padilha afirmou que ele será maior que a Santa Casa e receberá procedimentos de mais alto grau de complexidade. Só de leitos de UTI terá 45 leitos. "O Hospital Escola e a Santa Casa se complementam, a gente não precisa ficar comparando um com o outro, um fará alguns procedimentos e o outro fará outros procedimentos, São Carlos precisa e merece ter dois hospitais fortes como esses", disse.

O ministrou falou também sobre a ampliação do número de leitos de UTI. "A previsão que temos é que com a nova ala do Hospital Escola, mais os investimentos que estamos fazendo aqui na Santa Casa, serão mais 75 leitos de UTI funcionando regularmente na cidade de São Carlos, além da importância de ser uma instituição formadora de médicos, que é fundamental para termos mais médicos".

Sobre os investimentos, Padilha afirmou que já autorizou um reajuste de 50% nos valores da tabela SUS, que serão destinados às cirurgias eletivas. Ele anunciou ainda um investimento de R$ 2 milhões/ano para a manutenção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Prado.  "Esses investimento farão com que o município possa manter a sua UTI, reduzir o tempo de espera para cirurgias e passe a integrar os serviços de saúde, um serviço conversando com o outro, o que é fundamental porque qualquer pessoa ao longo de sua vida vai precisar passar por mais de um serviço de saúde".

Mãe pede ajuda por cirurgia.

Pedido

Durante a caminhada pela Santa Casa, uma senhora chegou até o ministro pedindo ajuda para seu filho, que necessita de uma cirurgia. "Eu queria que o senhor pudesse me ajudar, meu filho precisa de uma cirurgia e a Santa Casa não tem material necessário e não tem condição de fazer essa cirurgia". O ministro pediu para que a mãe informasse o nome do filho ao secretário de Saúde, que alguém iria cuidar do caso.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias