Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Uso de equipamentos de proteção

Maternidade da Santa Casa reabre as portas para o atendimento das doulas

O serviço havia sido suspenso em função dos protocolos sanitários para enfrentamento da pandemia da Covid-19

21 Set 2021 - 07h11Por Redação
Coordenação em encontro com doulas para retomada as atividades da Maternidade Francisca Cintra Silva - Crédito: Assessoria Santa CasaCoordenação em encontro com doulas para retomada as atividades da Maternidade Francisca Cintra Silva - Crédito: Assessoria Santa Casa

A Coordenação da Maternidade Francisca Cintra Silva da Santa Casa realizou, nesta segunda-feira, 20, no Auditório do Instituto de Ensino e Pesquisa, uma reunião com as doulas de São Carlos, para a retomada dos atendimentos das doulas junto às gestantes internadas no hospital.

Durante o encontro, a equipe da Maternidade falou sobre as normas da Instituição, sobre o uso de equipamentos de proteção de segurança, sobre os cuidados necessários ainda para o enfrentamento da pandemia, como o uso de máscara, álcool em gel e lavagem de mãos. A reunião também foi importante para que as doulas pudessem tirar dúvidas sobre a retomada dos atendimentos. 

O PAPEL DE UMA DOULA

A doula é responsável por acompanhar as gestantes antes, durante e depois do parto. Cabe a ela dar apoio emocional e sugerir técnicas e exercícios para alívio da dor, oferecendo conforto, encorajamento, tranquilidade, suporte emocional e físico, além de manter a gestante informada sobre cada etapa da gestação, do parto e do pós-parto.

Em função da pandemia, esse serviço foi suspenso em março de 2020 e está sendo retomado agora. “A nossa estrutura física da Maternidade é pequena. Nesse sentido, para diminuir o volume de pessoas circulando dentro da Maternidade, no sentido de garantir a segurança de todos, é que suspendemos o trabalho das doulas até agora. Com a diminuição do número de internações e de óbitos por COVID-19, decidimos retomar o atendimento, por entender a importância do trabalho das doulas”, explica a Ginecologista, Obstetra e Coordenadora da Maternidade, Bruna Parreira.

A Coordenadora da Maternidade reforça ainda a importância do trabalho feito pelas doulas no cuidado com as gestantes. “A gente entende e existem estudos que mostram que a doula diminui a dor do pós-parto, aumenta a taxa de parto normal. Então, entendemos que o trabalho delas nos ajuda muito no manejo da dor, que é o que as gestantes tanto temem do parto normal. Então, o trabalho das doulas só vem a somar no nosso esforço de tornar o atendimento na Maternidade cada vez mais humanizado”, afirma.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias