Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Cidade

Justiça manda embargar obra no Centro

Vizinho ao prédio em construção entrou com processo na esfera cível alegando falta de segurança.

04 Ago 2021 - 10h06Por Redação São Carlos Agora
Obras de prédio foram paralisadas por determinação da Justiça - Crédito: divulgaçãoObras de prédio foram paralisadas por determinação da Justiça - Crédito: divulgação

A 2ª Vara Cível de São Carlos concedeu liminar embargando temporariamente as obras do residencial Aldo Pozzi, que está sendo construído no cruzamento das ruas São Paulo e Carlos Botelho, no Centro.

Um vizinho ao prédio resolveu acionar a Justiça alegando falta de segurança, já  que objetos como tijolos, tábuas e pedaços de concreto se desprenderam a caíram no seu quintal. Situação parecida também teria ocorrido em outras casas.

A decisão do juiz de embargar a obra vale até que providências sejam tomadas pela empresa responsável como instalação de redes protetoras visando principalmente a seguranças das pessoas que moram ao lado e eventualmente passam na frente da obra.

Em caso de descumprimento, cabe multa diária e a empresa pode responder pelo crime de desobediência.

Nota da Construtora Avelar Couto

Em nota a direção da construtora Avelar Couto, citada na matéria, informou que assumiu a obra em 11 de junho de 2021, que realizou a limpeza da área externa e interna da edificação, bem como o fechamento das áreas que, porventura, se encontravam abertas.

A Construtora Avelar Couto informa ainda, que durante a sua jornada, sempre seguiu e respeitou as normas de segurança, inclusive é detentora do ISO 9001.

Por fim, a empresa informa que tomou ciência da ação judicial através da veiculação da notícia, que caso venha a ser citada oficialmente, tomará tomas as medidas judiciais cabíveis referentes a sua defesa, onde serão esclarecidos todos os fatos.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias